Cai liminar que suspendia eleições da Fecomercio Ceará

A Justiça do Trabalho confirmou, na tarde desta segunda-feira (14), a realização das eleições da diretoria da Federação do Comércio do Estado do Ceará (Fecomércio). O juiz do Trabalho, Francisco Gerardo de Souza Júnior, que havia concedido liminar suspendendo o processo eleitoral, recuou da decisão no processo (n. 0000157-57.2022.5.07.0009), que suspendia as eleições.

Segundo a decisão, “não há nos autos prova robusta da probabilidade do direito dos promoventes, já que, como foi confessado pelos próprios sindicatos demandantes, o processo eleitoral tem se mostrado tramitar nos moldes previstos no estatuto social”. Desta forma, considerou impossibilitado de manter a tutela de urgência anteriormente concedida.

“A diretoria da Fecomércio sempre teve ciência da lisura no processo eleitoral e acreditava que a eleição seria confirmada. O processo eleitoral segue agora os trâmites legais, com eleição marcada para o próximo dia 05 de abril”, disse a instituição em nota.

Votos

Nessa disputa judicial o que ficou evidente é que – num universo de 35 sindicatos (onde 34 votam), a chapa de Maurício Filizola (de oposição), concretamente, só tem nove votos assegurados até agora. Esse foi o número de sindicatos que assinou a solicitação de liminar pedindo a suspensão das eleições.

Confira integra da decisão AQUI.

Entrevista

No último dia 02/03, o presidente do Sistema Fecomércio, Luiz Gastão Bittencourt, foi o entrevistado na TV Economic News Brasil. Confira!

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado