Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Crédito empresarial: a importância do controle de cláusulas contratuais

Josney Lara, diretor comercial da InfoWorker Tecnologia.

O ambiente corporativo tem implementado soluções com o intuito de aumentar a produtividade, suprir demandas e evitar prejuízos financeiros. E quando o assunto é controle de cláusulas e prazos contratuais, já existem tecnologias que auxiliam as empresas a fazerem essa gestão, principalmente no momento em que a busca por crédito cresce. As novas contratações de crédito ganharam força já nosprimeiros meses de 2022, é o que demonstra os dados divulgados pelo Banco Central. A concessão de empréstimos cresceu 35,2% em relação a janeiro de 2021, tanto para crédito pessoal quanto para empresas. Ao olhar apenas para os financiamentos totais do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o crescimento foi de +13,1%. 

A tecnologia tem andado de mão dadas com diversos setores do mercado e com a área jurídica não é diferente, de acordo com o diretor executivo da InfoWorker, Josney Lara. Ele conta que a empresa desenvolveu uma tecnologia para auxiliar as empresas na gestão contratual. “O IW Covenants é uma tecnologia desenvolvida para ser uma aliada na gestão dos contratos com instituições financeiras”, conta Josney.

Para as corporações que se beneficiam desses financiamentos, a preocupação é com o cumprimento das cláusulas contratuais. Com o volume de prazos e obrigações, é fácil transformar a rotina empresarial em um constante malabarismo.

Josney explica que os montantes repassados pelo BNDES estão sujeitos a diversas condições firmadas em contratos. Ou seja, a liberação do crédito está atrelada ao cumprimento de determinadas obrigações legais, sendo que o descumprimento pode acarretar em multas milionárias e outros desdobramentos jurídicos. Então, o monitoramento dessas cláusulas contratuais deve ser uma prioridade para as corporações que buscam esse recurso.

“Mais do que agilidade, o empresário precisa ter em mente que o recurso tecnológico de gestão contratual está ligado à segurança jurídica e financeira dos projetos financiados. Sendo assim, não se trata de um artigo de luxo e sim uma necessidade básica nesse aspecto”, reforça.

Tecnologia e produtividade

Uma solução que possibilita a criação de alertas, relatórios e a organização das demandas de cada contrato a partir do simples cadastro das atividades é uma boa notícia em meio a tantas burocracias. É com isso que concorda o gestor financeiro da Neoenergia, Eduardo Carlos Paes. Ele conta que a empresa gerencia mais de 10 mil cláusulas, de mais de 500 contratos, e antes de contar com os recursos do IW Covenants a gestão era feita manualmente através de planilhas.

Paes conta que a tecnologia ajudou principalmente nos aspectos de automação e segurança de dados. Segundo o gestor, o sistema ajudou especialmente  na agilidade no momento da consulta, pois permite verificar e acompanhar o cumprimento das tarefas relacionadas ao contrato com rapidez e facilidade para gerir as informações.

Josney explica que o sistema faz a gestão automaticamente e a plataforma também tem funções para criar e delegar tarefas, gerar alertas de obrigações, resumo diário de atividades e acompanhar status de tarefas. Também gera alertas para descumprimentos e faz uma série de relatórios, para desempenho por departamento, por exemplo e status de tarefas.

“Todos esses recursos visam controle e gestão. Nesse sentido, o IW Covenants pode ser usado por empresas que assumem acordos com entidades de grande porte, ou então, que firmam contratos que exigem cumprimento de prazos e deveres”, reforça Josney.24

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado