BC suspende liquidação extrajudicial do Banorte após 25 anos

(Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil I)

Os procedimentos para o encerramento da liquidação extrajudicial foram concluídos após mais de 25 anos.

O Banco Central do Brasil encerrou a liquidação extrajudicial do Banco Banorte S.A., que havia sido iniciada em 24 de maio de 1996. O Banorte foi fundado em 1942, uma instituição legitimamente pernambucana, que chegou a ter mais de 80 agências em diversos pontos do território nacional e quase três mil funcionários. 

As dificuldades surgiram após desconfiança dos clientes, após a quebra do Banco Econômico e por causa dos efeitos do Plano Real, o Banorte vinha, na época, negociando uma fusão com o então Banco Bandeirantes. 

Os procedimentos para o encerramento da liquidação extrajudicial foram concluídos após mais de 25 anos. De acordo com a Coluna JC Negócios, os credores foram atendidos dentro do que foi acordado entre as partes. O processo de encerramento teve início com a supervisão do Banco Central do Brasil e seguiu o que é previsto na Lei nº 6.024/1974. 

Com a suspensão da liquidação, haverá mudança do regime para liquidação ordinária, que seguirá o que é regido pela Lei n° 6.404/1976. Neste novo formato, a empresa ficará sob a responsabilidade da família Baptista da Silva, controladores do Banorte, que farão a gestão dos ativos a partir de agora.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado