Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Dólar cai a R$ 5,17 e bolsa sobe 0,87%

Foto: Reprodução

No cenário internacional, a expectativa em torno da divulgação da inflação de janeiro nos Estados Unidos também contribuiu para a queda do dólar. Caso o índice continue a desacelerar, as perspectivas de que o Federal Reserve (Banco Central norte-americano) continue a elevar os juros básicos em 0,25 ponto percentual na próxima reunião, no fim de março, diminuirão. Um ajuste mais suave nos juros da maior economia do planeta pode reduzir a pressão sobre o dólar e a bolsa em países emergentes.

No mercado de ações, o índice Ibovespa da B3 fechou aos 108.836 pontos, registrando uma alta de 0,87%. O indicador iniciou o dia em baixa, mas reverteu a tendência, impulsado pela divulgação de lucros de bancos e pelas bolsas norte-americanas.

Os investidores brasileiros estão atentos à reunião do Conselho Monetário Nacional (CMN) na próxima quinta-feira (16), em que será definida a meta de inflação para 2023.

conteúdo patrocinado

O dólar comercial encerrou a segunda-feira (13) vendido a R$ 5,177, apresentando uma queda de 0,87%. A cotação da moeda estrangeira operou em baixa durante todo o dia, intensificando a queda após a abertura dos mercados norte-americanos. Apesar disso, o dólar subiu 1,97% em fevereiro, mas acumula queda de 1,95% em 2023.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado