Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Dívida trabalhista da Americanas é 138% maior do que o valor reservado para pagamento, aponta levantamento

A Americanas enfrenta mais de 2.300 ações trabalhistas na Justiça do Trabalho. O valor total das causas é de R$ 284,3 milhões, 138% superior ao montante reservado para os débitos trabalhistas que constam no processo de recuperação judicial.

O levantamento, feito pelo LBS Advogados, representantes de centrais sindicais, foi conduzido pela plataforma Data Lawyer, que permite a análise estatística de dados relacionados a ações judiciais (jurimetria), a pedido da Folha.

A empresa entrou com um pedido de recuperação judicial, onde constam apenas R$ 119,6 milhões para pagamento da classe 1, englobando apenas 321 trabalhadores. No entanto, segundo a matéria, a empresa afirma ter condições de promover o pagamento integral a curto prazo desses débitos trabalhistas com parte dos recursos já obtidos e a serem obtidos com o financiamento DIP autorizado na recuperação judicial, sem impacto relevante no seu fluxo de caixa.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado