Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Cofundadora e CEO do Nubank vende ações do banco digital

A cofundadora e CEO do Nubank no Brasil, Cristina Junqueira, alienou 590 mil ações do banco digital nesta sexta-feira (03/3). Com base na cotação atual das ações, de US$ 4,60, e a taxa de câmbio atual, a venda teria movimentado cerca de R$ 14,1 milhões. Antes da venda, ela detinha uma participação de 2,736% no Nubank.

O Nubank apresentou os resultados do quarto trimestre de 2022 no dia 14 de fevereiro, mostrando que a Nu Holdings, sua controladora, obteve lucro líquido de US$ 58 milhões. Embora ainda esteja em fase menos avançada no México e na Colômbia, que exigem mais investimentos, a empresa reverteu um prejuízo líquido de US$ 66,1 milhões do mesmo período do ano anterior.

Embora o banco tenha fechado dois trimestres consecutivos no azul, o ano foi encerrado com um prejuízo líquido de US$ 9,1 milhões.

conteúdo patrocinado

O Nubank confirmou a venda das ações de Cristina Junqueira e justificou que o montante vendido representa menos de 0,5% das ações que ela detém no capital do banco. Em nota, a instituição financeira afirmou que a venda ocorreu exclusivamente por motivos de gestão pessoal de patrimônio e liquidez.

A venda de ações pode ter diferentes motivos, como por exemplo, a necessidade de arrecadar dinheiro para um projeto pessoal ou uma simples reestruturação de portfólio de investimentos. É comum que investidores vendam parte de suas participações em empresas quando precisam de dinheiro para outros fins, ou quando acreditam que o valor das ações atingiu seu pico. No entanto, é importante lembrar que a venda de ações não afeta diretamente a gestão e a estratégia da empresa.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado