Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Mercado imobiliário dos Estados Unidos enfrenta desafios com aumento de custos de empréstimos e incerteza econômica

Foto: Binyamin Mellish/Pexels

De acordo com uma análise da First American Financial Corp, um aumento na taxa de hipoteca de 6,4% para 7,4% teria o mesmo efeito na acessibilidade do que um aumento de 10% no preço das casas, pressionando a acessibilidade no mercado imobiliário dos Estados Unidos. Com isso, muitos compradores estão hesitantes em fazer compras neste período crucial da temporada de primavera, que é tipicamente a mais importante para o mercado imobiliário americano.

Os custos mais elevados de empréstimos não são o único fator que contribui para a pressão sobre a acessibilidade. Os americanos também estão receosos em fazer financiamentos em virtude da nova onda de recessão que pode se instalar na economia do país, em meio à pandemia ainda afetando diversos setores.

Como resultado, o mercado imobiliário dos Estados Unidos pode enfrentar uma desaceleração ainda maior nos próximos meses, à medida que os compradores adiam suas compras e buscam negociações mais atraentes para a compra de imóveis.

conteúdo patrocinado

Para manter a acessibilidade e garantir um mercado equilibrado e saudável para todos, é crucial que as autoridades econômicas e as empresas do setor imobiliário trabalhem juntas para oferecer opções de financiamento mais atraentes e garantir a estabilidade do mercado. Somente assim será possível manter o mercado imobiliário dos Estados Unidos em um nível saudável e atraente para investimentos.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado