Lucro da JBS cai 63,7% no 4T22 frente a cenário desafiador e custos elevados

(Foto: Divulgação JBS)

A JBS (JBSS3) divulgou seu balanço do 4T22 nesta terça-feira (21), registrando lucro líquido de R$ 2,3 bilhões, queda de 63,7% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O EBITDA ajustado no 4T22 foi de R$ 4,6 bilhões, representando queda de 65,2% em relação ao 4T21. Segundo a JBS, a comparação é feita em cima de uma base forte divulgada no 4T21 devido à normalização dos resultados da JBS Beef North America e a um cenário mais desafiador na Pilgrim’s Pride, causado por sobre oferta global de frango.

A margem EBITDA ajustada no trimestre foi de 4,9%. No ano, o EBITDA ajustado alcançou R$ 34,6 bilhões (US$ 6,7 bilhões), com margem EBITDA ajustada de 9,2%. A receita líquida consolidada da JBS no 4T22 foi de R$ 92,9 bilhões, uma queda de 4,5% em relação ao 4T21.

O destaque positivo ficou por conta da Seara, que apresentou crescimento de 9% na comparação anual. Cerca de 76% das vendas globais da JBS foram realizadas nos mercados domésticos em que a companhia atua e 24% por meio de exportações.

Em 2022, a receita líquida atingiu o recorde de R$ 374,9 bilhões (US$ 72,6 bilhões), sendo 74% das vendas realizadas em mercados domésticos e 26% por meio de exportações. A margem EBITDA ajustada atingiu 4,9% entre outubro e dezembro, alta de 8,6 pontos percentuais (p.p.) em comparação com a margem registrada no 4T21.

A empresa afirmou ter enfrentado um cenário desafiador devido ao aumento dos custos de grãos e boi nos Estados Unidos.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado