Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Governo ameaça suspender vendas da Hurb

Cerca de R$ 74 bilhões já foram contratados para o incremento da logística nacional com as concessões de 34 aeroportos, cinco rodovias, seis ferrovias.

A Hurb (antigo Hotel Urbano) enfrenta uma crise de imagem e jurídica após relatos de falta de pagamento para hotéis e pousadas, que cancelam as reservas e prejudicam a viagem de milhares de pessoas. Agora, o governo deu 48 horas para a startup carioca comprovar que tem recursos para honrar com os pacotes comercializados. Caso não consiga convencer as autoridades, a Hurb pode ter as vendas suspensas e ser multada em até R$ 13 milhões.

A Secretaria Nacional do Consumidor recebeu mais de 7.000 queixas contra a companhia somente no primeiro trimestre deste ano. No mesmo período, o site Reclame Aqui registrou cerca de 22 mil queixas contra a Hurb, quase o dobro do observado no ano passado. O Procon-SP aponta 1.142 reclamações contra a empresa somente no mês passado, ante 209 em março de 2022.

O modelo de passagens flexíveis da Hurb, com ofertas superpromocionais que não trabalham com datas exatas, mas períodos em que a viagem pode ser feita, tem sido alvo de reclamações de clientes que tiveram problemas com pacotes de viagem comprados na companhia e tentam recuperar o dinheiro na Justiça. Entre as reclamações, estão reservas que não foram feitas em hotéis e tentativas de reembolso sem resposta.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

A crise da Hurb foi agravada no início desta semana, quando o então CEO da startup, João Ricardo Mendes, xingou e ameaçou clientes nas redes sociais. Ele renunciou ao cargo na segunda (24). Em nota, a empresa afirma que vai conduzir diálogo de forma individualizada com cada parceiro da rede hoteleira que fez algum tipo de reclamação. Ela diz que conta com um setor de atendimento ao cliente para tirar dúvidas e ajudar com imprevistos.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado