Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Prejuízo Unimed Vitória com Infinity Asset de R$ 165 milhões

(Unimed Vitória/Divulgação)

O prejuízo da Unimed Vitória com Infinity Asset surpreendeu o mercado ao atingir a marca de R$ 165 milhões em uma operação no mercado financeiro, de acordo com o jornal Valor Econômico. A cooperativa integra a lista de 6.302 cotistas dos fundos de investimento da Infinity Asset, onde aproximadamente 30 Unimeds aplicaram recursos de suas reservas técnicas.

A Unimed Vitória, enfrentando uma das situações mais graves entre as Unimeds investidoras, registrou um prejuízo significativo com a Infinity Asset, uma gestora que atualmente enfrenta problemas de liquidez e está fechada para resgates.

Em meio à crise financeira, a cooperativa informou que adotou medidas de contenção de gastos desde março e informou que parte de seu patrimônio ajudará a cobrir a perda, evitando assim intervenções da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Publicidade

Reserva de emergência

As operadoras de planos de saúde são legalmente obrigadas a manter reservas para cobrir despesas em caso de falência. No total, o setor possui provisões de R$ 57 bilhões. Tais recursos podem ser tanto imóveis quanto dinheiro aplicado, na maior parte, em produtos de baixo risco, como títulos do Tesouro.

Os produtos da Infinity eram vendidos como produtos conservadores, no entanto, recentemente se descobriu que eram operações de derivativos sem garantia, e grande parte do lastro era a própria gestora, uma grave infração.

As desconfianças acerca da Infinity surgiram em dezembro do ano passado, quando a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) descredenciou a asset, justificando que seus fundos tinham partes relacionadas com o administrador da carteira. Entre os dias 16 e 24 de maio, a asset registrou um prejuízo de R$ 455 milhões.

Apesar do caso, a Unimed Vitória garante que seus 400 mil usuários, além de cooperados, colaboradores e prestadores, não serão prejudicados. Com as medidas tomadas, a cooperativa afirma que está descartada a possibilidade de uma intervenção da ANS, procedimento instaurado em operadoras que apresentam anormalidades administrativas e econômico-financeiras, que poderiam colocar em risco a qualidade e a continuidade do atendimento à saúde dos beneficiários.

Resultado

Em 2022, a Unimed Vitória registrou uma receita total de R$ 1,76 bilhões, enquanto as despesas foram levemente inferiores, atingindo R$ 1,73 bilhões. No entanto, não foi a única cooperativa a fazer investimentos na Infinity Asset. A Unimed Piraqueaçu também investiu suas reservas na gestora, embora em uma escala muito menor. No final do ano passado, o valor investido caiu para R$ 2 milhões, uma redução significativa em comparação com os R$ 7,5 milhões investidos no fim de 2021.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado