Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

IPCA-15 e Dólar: Luiz Bazzo analisa o mercado

Luiz Felipe Bazzo, CEO do transferbank

O IPCA-15 desta semana pegou o mercado de surpresa. Com uma alta registrada de 0,28% em agosto, especialistas e investidores ficaram em alerta. Segundo Luiz Felipe Bazzo, CEO do Transferbank, o fechamento da semana no mercado financeiro foi intensamente influenciado por essa informação liberada pelo IBGE. A oscilação da curva de juros evidenciou uma queda de 0.5 p.p, um movimento que muitos acreditam ser pontual, mas que teve como consequência o arrefecimento das expectativas de aceleração. “Era uma projeção que já estava no radar dos analistas até o término do ano”, afirma Bazzo. Ele lembra que o próprio Banco Central já indicou uma grande possibilidade de um decréscimo de meio ponto percentual da taxa Selic.

Quando se trata do dólar, a semana foi fortemente marcada pela moeda norte-americana. Começando a semana a R$4,99 e encerrando a sexta-feira em alta diária de 0,5%, cotada a R$ 4,87, Bazzo destaca que a aversão ao risco foi a protagonista dos últimos dias. “Todos estavam com os olhos voltados para o discurso de Jerome Powell no simpósio de Jackson Hole. A grande questão era se o presidente do Federal Reserve (Fed) confirmaria a continuação da escalada de juros nos EUA”, comenta.

A taxa de juros norte-americana, ainda que elevada para os padrões históricos, impacta significativamente no cenário brasileiro. “Essa operação de pegar empréstimos em locais com taxas baixas e aplicar em mercados com maior rendimento é o que tem valorizado o real diante do dólar”, explica Bazzo. Segundo ele, qualquer cenário de corte de juros nos Estados Unidos tem o potencial de pressionar o dólar para baixo, um movimento que, sem dúvida, afetará os mercados globais. “Porém, não podemos esquecer o cenário fiscal nacional, que também terá seu impacto por aqui”, finaliza o especialista.

Publicidade
conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado