Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Conselho de Agronegócio discute pulverização aérea e tributação

Foto: Divulgação

Em Brasília, na quarta-feira, 29/08, o Conselho de Agronegócio (Coagro) da Confederação Nacional da Indústria (CNI) promoveu uma reunião ordinária para debater questões prementes do setor agroindustrial. José Antunes Mota, representando a Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Sistema FIEC) e Presidente do Sindilacticínios-CE, marcou presença.

Uma das principais pautas foi a discussão em torno da pulverização aérea e seus reflexos na agroindústria. “O Ceará se destacou como o primeiro estado a proibir tal prática. Atualmente, a questão aguarda deliberação no Supremo Tribunal Federal, visando conceder autonomia regulatória também aos municípios”, comentou Mota.

Outro tópico de destaque foi a Reforma Tributária e seu potencial impacto no agronegócio. “A CNI mantém uma equipe de juristas especializados que se engajam proativamente com os poderes constituídos. Nosso debate é enriquecido por essa colaboração e também foca na defesa dos interesses específicos do Ceará”, disse o industrial.

conteúdo patrocinado

A questão da tecnologia aérea e sua contribuição para a sustentabilidade também foi abordada durante a reunião. Cláudio Júnior Oliveira, Presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (SINDAG), foi o responsável por apresentar insights sobre o tema, destacando a importância da inovação no setor agroindustrial.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado