Vendas de Veículos: Anfavea registra Setembro com melhor média diária do ano

(Foto: Toms Svilans/Pexels)

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) lançou luz sobre o cenário automotivo do Brasil, reportando que setembro trouxe a melhor média diária de vendas do ano, com 9,9 mil unidades vendidas por dia. Este dado reflete um período de estabilidade, segundo análises da entidade, mesmo com os receios anteriores de uma possível queda nas vendas de veículos leves após o término do programa de descontos do governo federal.

Márcio de Lima, presidente da Anfavea, proferiu em coletiva de imprensa que a iniciativa governamental de incentivo à renovação de frotas foi “extraordinária”. Ele expressou um sentimento de calma com o cenário atual, embora tenha ressaltado que o mercado não aparenta estar particularmente aquecido.

Embora a produção de veículos tenha experimentado uma diminuição de 8% de agosto para setembro deste ano, o volume de emplacamentos de novos veículos comerciais leves, sejam híbridos ou elétricos, aumentou significativamente. Comparando com o ano de 2020, onde foram emplacadas 19,7 mil unidades, o ano corrente já contabiliza 57,5 mil unidades, mesmo antes de seu término.

O executivo Igor Calvet, que recentemente assumiu como Diretor Executivo da Anfavea, traz ao cargo sua expertise acumulada em posições estratégicas como presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e Secretário Especial Adjunto do Ministério da Economia, potencializando o corpo diretivo da associação.

As exportações são uma “situação que preocupa o setor automotivo”, disse Lima, adicionando que “a exportação continua sendo o maior desafio”. Ele sugeriu que o Brasil busque estabelecer acordos bilaterais para aliviar as dificuldades na área de exportação.

Quanto ao emprego, a indústria automobilística viu uma redução de 3,3% nos postos de trabalho de setembro de 2022 para setembro de 2023, oscilando de 104 mil para 100,6 mil empregados. E no horizonte das projeções, a Anfavea antecipa que os emplacamentos de veículos, englobando leves e pesados, em outubro superem em 6% o volume do mesmo mês em 2022, enquanto as exportações, menos otimistas, devem registrar uma queda de 12,7%.

Com informações detalhadas sobre vendas, produção e emprego, a Anfavea joga luz sobre o panorama atual e futuro do setor automotivo brasileiro, dando insights valiosos para fabricantes, comerciantes e consumidores.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado