Pesquisar
Close this search box.

Novo conflito entre operadoras de maquininhas e bancos

Maquininha
Foto: Towfiqu barbhuiya/Unsplash

Ontem (21), o Conselho Monetário Nacional (CMN) estabeleceu um limite de 100% para os juros cobrados no crédito rotativo. Esta medida vem em resposta a uma decisão legislativa recente, visando aliviar os custos para os consumidores.

Apesar da nova regra, o embate entre instituições financeiras e empresas de maquininhas como Stone, Mercado Pago e PagSeguro continua. Acusações mútuas entre a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e as empresas de pagamento destacam uma luta intensa pelo mercado de crédito.

Ações Legais e Denúncias

A Stone, uma das principais empresas de maquininhas, entrou com uma ação legal contra o presidente da Febraban, alegando difamação. Por outro lado, a Febraban acusou empresas de maquininhas de práticas irregulares em suas operações de crédito, aumentando a tensão no setor financeiro.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado