82% das empresas de dispositivos médicos visam exportar em 2024

(Foto Mehmet Turgut Kirkgoz/Pexels)

Após um aumento de 13,69% em 2023, a indústria brasileira de dispositivos médicos se prepara para expandir suas exportações em 2024. Pesquisa da Associação Brasileira da Indústria de Dispositivos Médicos (ABIMO) mostra que 82% das empresas do setor planejam iniciar suas exportações.

Produtos de Laboratório em Destaque

Em 2023, o segmento de produtos de laboratório se destacou, alcançando US$ 242,6 milhões em exportações. Esse número representa um crescimento de 87,23% em relação a 2022.

Principais Destinos das Exportações

Os principais mercados para a exportações de dispositivos médicos foram os Estados Unidos, Argentina, México e Colômbia. Juntos, eles absorveram 58% do total. A China também se destacou, saltando para o 2º lugar entre os principais destinos em 2023.

Perfil das Empresas Exportadoras

No universo da ABIMO, a maioria das empresas pertence ao segmento médico-hospitalar. Outras áreas incluem odontologia, materiais de consumo, implantes e reabilitação. São Paulo abriga 70% dessas empresas, mas há representantes em vários estados brasileiros.

Qual a Definição de Dispositivo Médico?

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), um dispositivo médico compreende qualquer item utilizado para propósitos relacionados à saúde humana, como em práticas médicas, odontológicas e laboratoriais, incluindo diagnósticos. Esta classificação abrange uma variedade de produtos, que vão desde materiais e instrumentos até equipamentos, aparelhos, implantes e reagentes.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado