Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Economistas elevam inflação para 2024, diz Boletim Focus

PIB e taxa de juros permanecem estáveis

Banco Central do Brasil - Boletim Focus - Copom
Banco Central do Brasil (Imagem: Rafa Neddermeyer/Agência Brasil)

Economistas do mercado financeiro revisaram para cima as previsões de inflação para este ano e para 2024, conforme o boletim Focus divulgado na segunda-feira (27) pelo Banco Central. O levantamento, que ouviu mais de 100 instituições financeiras na semana passada, mostra que a expectativa de inflação para 2024 subiu de 3,80% para 3,86%, marcando o terceiro aumento consecutivo.

A revisão nas estimativas de inflação ocorreu após o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reduzir a taxa básica de juros de 10,75% para 10,5% ao ano no início do mês. A decisão foi dividida entre os diretores indicados pelo presidente Lula, que queriam um corte maior. No entanto, os diretores mais antigos, escolheram uma redução menor na Selic.

O mercado financeiro reagiu à divisão no Copom com queda na bolsa de valores e alta no dólar e nos juros futuros. Além disso, as enchentes no Rio Grande do Sul e a alteração da meta fiscal para 2025 e 2026, liberando R$ 160 bilhões adicionais em gastos, também contribuíram para a revisão das estimativas de inflação.

Publicidade
Inflação e Taxa Selic

Para 2025, a previsão de inflação aumentou de 3,74% para 3,75%. A meta de inflação para esse ano é de 3% e será considerada cumprida se oscilar entre 1,5% e 4,5%. Assim, o Banco Central está mirando nas metas futuras para definir a taxa básica de juros e conter a alta dos preços.

Projeções do PIB

A expectativa para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2024 permaneceu estável em 2,05%. O PIB, que representa a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, é um indicador chave para medir a evolução econômica. Para 2025, a projeção de alta do PIB também se manteve em 2%.

Os economistas mantiveram a estimativa para a taxa básica de juros no final deste ano em 10%. Atualmente, a taxa Selic está em 10,50% ao ano, após sete reduções consecutivas. Para o fim de 2025, a projeção para a taxa básica de juros continuou estável em 9% ao ano.

Outras estimativas do Boletim Focus:

  • Dólar: a previsão para a taxa de câmbio no final de 2024 subiu de R$ 5,04 para R$ 5,05, e para 2025, permaneceu em R$ 5,05.
  • Balança comercial: a projeção de superávit para 2024 ficou estável em US$ 82 bilhões. Para 2025, a previsão aumentou de US$ 76,3 bilhões para US$ 78 bilhões.
  • Investimento estrangeiro: a previsão para a entrada de investimentos estrangeiros diretos no Brasil em 2024 manteve-se em US$ 70 bilhões. Para 2025, a estimativa caiu de US$ 73,5 bilhões para US$ 73 bilhões.

Leia também:

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado