Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Dólar sobe após três quedas com expectativas de inflação

Investidores aguardam dados econômicos do Brasil e EUA

Dólar
Dólar, a moeda do Estados Unidos da América (Imagem: Valter Campanato/Agência Brasil)

O dólar à vista encerrou a segunda-feira (8) em alta, após três sessões consecutivas de queda, enquanto investidores aguardam ansiosamente os próximos dados de inflação do Brasil e dos Estados Unidos. Sendo assim, essas informações são importantes para definir os rumos das políticas monetárias de ambos os países.

As declarações do governo federal sobre a situação fiscal do país e a postura mais suave quanto aos cortes de gastos influenciaram a alta volatilidade nas negociações durante o dia. As falas contribuíram para as oscilações do dólar ao longo do pregão.

O dólar comercial fechou o dia com alta de 0,25%, sendo negociado a R$ 5,475 na compra e R$ 5,476 na venda. Na Bolsa de Valores (B3), o contrato futuro de dólar para agosto registrou alta de 0,22%, fechando em 5.487 pontos. No entanto, na última sexta-feira, o dólar à vista encerrou a R$ 5,4627 na venda. A moeda acumulou uma baixa de 0,43% na semana anterior.

Publicidade

O dólar turismo também acompanhou a tendência de alta. O mercado cotou a moeda a R$ 5,504 na compra e R$ 5,684 na venda, refletindo a movimentação positiva observada no dólar comercial.

Nesta semana, os investidores focam nos dados econômicos que serão divulgados. Jerome Powell, presidente do Federal Reserve, prestará depoimento ao Senado na terça-feira (9) e à Câmara dos Representantes na quarta-feira (10), oferecendo pistas sobre a política monetária dos Estados Unidos.

Dados Econômicos Importantes

No Brasil, o governo divulgará o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de junho na quarta-feira. Nos Estados Unidos, o Índice de Preços ao Consumidor (CPI) sairá na quinta-feira (11). Por fim, para finalizar a semana, os EUA publicarão o Índice de Preços ao Produtor (PPI) na sexta-feira.

Boletim Focus do Banco Central

Na manhã desta segunda-feira, o relatório Focus do Banco Central revelou que a projeção mediana do mercado para o IPCA de 2024 subiu de 4,00% para 4,02%. Contudo, o mercado manteve a previsão para o dólar ao final de 2024 e 2025 em R$ 5,20.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado