Juros podem cair abaixo de 12%, diz Mansueto Almeida do BTG Pactual

Foto: Marcos Brito/Câmara dos Deputados

Em evento promovido pelo BTG Pactual, Mansueto Almeida, afirmou que há uma possibilidade real de a taxa de juros fechar o ano abaixo de 12%. Ele destacou que um cenário de corte de juros está emergindo para o segundo semestre. “Se o governo cumprir seu programa fiscal e avançar nas reformas, esse ambiente será potencializado para um ciclo de reduções mais rápidas, o que seria muito bom para a retomada de investimentos”, declarou Almeida.

Mansueto Almeida tem um histórico de destaque no campo econômico. Foi convidado em maio de 2016 pelo então Ministro Henrique Meirelles para integrar a equipe econômica do Ministério da Fazenda. Inicialmente assumiu o posto de Secretário de Acompanhamento Econômico, liderando a política fiscal. Também desempenhou um papel importante nas reformas econômicas durante o governo de Michel Temer.

Em janeiro de 2018, passou a comandar a Secretaria de Acompanhamento Fiscal e, em abril do mesmo ano, foi nomeado secretário do Tesouro Nacional, posição que ocupou até 15 de julho de 2020. É considerado um dos maiores especialistas do país em contas públicas.

Atualmente, como sócio e economista-chefe do BTG Pactual, suas declarações sobre a taxa de juros são especialmente relevantes devido à sua vasta experiência e conhecimento em economia e políticas fiscais.

O cenário de redução de juros que Almeida projeta pode ser um sinal positivo para investidores e para a economia como um todo. Isso representa uma oportunidade para a retomada de investimentos no país, podendo impulsionar o crescimento econômico e gerar mais empregos.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado