JBS aprova emissão de debêntures no valor de R$ 1,875 bilhão

JBS registra lucro líquido de R$ 5 bilhões no primeiro trimestre
Foto: Divulgação

O conselho de administração da JBS deu luz verde para a realização da 10ª emissão de debêntures, com um montante total de R$ 1,875 bilhão. Inicialmente, serão emitidas 1.875.000 debêntures, com valor nominal unitário de R$ 1.000,00, podendo haver redução desse número, desde que respeitado o montante mínimo.

Estas debêntures, da modalidade quirografária e sem qualquer forma de garantia, não serão conversíveis em ações. Serão emitidas de forma nominativa e escritural, sem a emissão de cautelas ou certificados representativos.

A emissão será dividida em até 5 séries, tendo como finalidade a formação dos Direitos Creditórios do Agronegócio, que serão utilizados como lastro para a emissão dos Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA).

De acordo com a JBS, os recursos líquidos obtidos por meio dessa emissão serão destinados exclusivamente à aquisição de animais, produtos in natura e outros insumos necessários para a realização do beneficiamento e industrialização de gado bovino. Isso inclui o processo primário de abate, preparação de subprodutos, fabricação de produtos derivados da carne, além da comercialização desses produtos e subprodutos, incluindo exportação, intermediação, armazenagem e transporte.

A emissão das debêntures representa um passo estratégico para a JBS, permitindo a captação de recursos para sustentar suas operações no setor de agronegócio e garantir a continuidade de suas atividades de produção e comercialização, além de contribuir para a formação de lastro para futuras emissões de Certificados de Recebíveis do Agronegócio.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado