Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Após fim de incentivo, vendas de veículos cai

Poluentes: Londres é a primeira cidae do mundo a taxar carros
Fotos: Arquivo/Agência Brasil

O mercado de veículos automotores no Brasil enfrentou um declínio nas vendas durante o mês de agosto, refletindo o fim do incentivo fiscal do governo federal para veículos leves no mês anterior, de acordo com dados divulgados pela Fenabrave, a associação de concessionários.

As vendas de veículos novos no país apresentaram uma redução de 7,93% em relação a julho e uma queda de 0,41% em comparação a agosto de 2022, totalizando 207,7 mil unidades vendidas, conforme informou a entidade.

O setor automobilístico brasileiro continua enfrentando desafios à medida que a economia se adapta a diferentes condições e incentivos. A Fenabrave está atualmente avaliando medidas para estimular o mercado, mas ainda não estabeleceu um prazo para a apresentação dessas propostas.

Publicidade

As vendas de carros e comerciais leves, que incluem picapes e SUVs, apresentaram uma queda de 8,7% em relação a julho, embora tenham registrado um aumento de 1,36% em comparação a agosto do ano passado, atingindo 196,88 mil veículos vendidos.

No acumulado do ano, o mercado automobilístico brasileiro contabiliza 1,43 milhão de unidades vendidas, representando um aumento de 9,41% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Em maio, o governo federal anunciou a redução de impostos federais cobrados sobre carros novos de até R$ 120 mil. O objetivo do desconto era reduzir o preço dos automóveis. Os impostos que foram reduzidos eram o Imposto sobre Produto Industrializado (IPI) e o PIS/Confins, que é uma contribuição para Seguridade Social.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado