Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Governo abre Novo PAC com R$ 65 bi para estados e municípios

Novo PAC
Foto:Reprodução/Internet

O presidente Lula anunciou nesta quarta-feira(27) o lançamento do Novo PAC – Seleções, um programa que abre prazo para prefeitos e governadores indicarem obras de investimento. Nessa primeira fase, o governo federal destinou um montante expressivo de R$ 65,2 bilhões para 27 modalidades, executadas pelos ministérios das Cidades, Saúde, Educação, Cultura, Justiça e Esporte.

Os recursos do Novo Pac estão distribuídos entre os ministérios da seguinte forma: Ministério das Cidades (R$ 44,84 bilhões), Ministério da Saúde (R$ 9,89 bilhões), Ministério da Educação (R$ 9,24 bilhões), Ministério da Cultura (R$ 640 milhões), Ministério da Justiça e Segurança Pública (R$ 390 milhões) e Ministério do Esporte (R$ 180 milhões).

Os estados e municípios terão a oportunidade de inscrever propostas no período de 9 de outubro a 10 de novembro. As áreas contempladas incluem mobilidade urbana, esgotamento sanitário, urbanização de favelas, prevenção a desastres naturais, educação, saúde, cultura, entre outras.

Publicidade

Investimento por modalidade

  • Abastecimento de Água – Urbano (Cidades): R$ 4,4 bilhões
  • Abastecimento de Água – Rural – Sistemas Simplificados (Cidades): R$ 440 milhões
  • Mobilidade Urbana – Grandes e Médias Cidades (Cidades): R$ 14,5 bilhões
  • Renovação de Frota (Cidades): R$ 3 bilhões
  • Periferia Viva – Urbanização de Favelas (Cidades): R$ 5,2 bilhões
  • Prevenção a Desastres Naturais: Contenção de Encostas (Cidades): R$ 1,6 bilhões
  • Prevenção a Desastres Naturais: Drenagem Urbana (Cidades): 4,8 bilhões
  • Esgotamento Sanitário – Cidades (Cidades): R$ 9,7 bilhões
  • Gestão de Resíduos Sólidos (Cidades): R$ 940 milhões
  • Regularização Fundiária (Cidades): R$ 300 milhões
  • Escolas em Tempo Integral​​ (Educação): R$ 5,24 bilhões
  • Creches e Escolas de Educação Infantil (Educação): R$ 3,25 bilhões
  • Transporte Escolar​​​ (Educação): R$ 750 milhões
  • CEU da Cultura​​​ (Cultura): R$ 60 milhões
  • Patrimônio Histórico​ – Projetos de engenharia (Cultura): R$ 40 milhões
  • CONVIVE – Centro Comunitário pela Vida (Justiça): R$ 390 milhões
  • Espaços Esportivos Comunitários​ (Esporte): R$ 180 milhões
  • Policlínicas​ (Saúde): R$ 1,03 bilhão
  • Unidades Básicas de Saúde​ (UBS) (Saúde): R$ 4,23 bilhões
  • Maternidades​ (Saúde): R$ 3,84 bilhõe
  • Centros de Parto Normal (Saúde): R$ 90 milhões
  • Novas Ambulâncias – SAMU​ (Saúde): R$ 180 milhões
  • Centrais de Regulação (CRUs) – Ambulâncias do SAMU​ (Saúde): R$ 110 milhões
  • Centros de Atenção Psicossocial​ (CAPS) (Saúde): R$ 150 milhões
  • Centros Especializados em Reabilitação (CER) (Saúde): R$ 150 milhões
  • Oficinas Ortopédicas (Saúde): R$ 10 milhões
  • Unidades Odontológicas Móveis​ (UOM) (Saúde): R$ 100 milhões
conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado