Startup Mush recebe R$900 mil de aporte

Foto: Divulgação

A Irani, uma das principais indústrias de papéis e embalagens do Brasil, anunciou um investimento de 900 mil reais na startup paranaense Mush. Esse aporte faz parte da estratégia da Irani Ventures, o braço de Corporate Venture Capital da empresa, para apoiar iniciativas sustentáveis no mercado. A Mush, fundada em 2019, desenvolve produtos de decoração e embalagens usando materiais biodegradáveis à base de fungos e resíduos agrícolas.

A tecnologia inovadora da Mush controla o crescimento de micélios, que são uma rede de fibras finas, para criar um material biodegradável usado em produtos como luminárias, esculturas e embalagens. Com esse investimento, a Mush pretende acelerar sua produção e pesquisa para novos produtos, alinhando-se à preocupação crescente da Irani com o meio ambiente.

Atualmente, a Irani Ventures tem focado em apoiar startups que exploram insumos alternativos na produção de embalagens, como a growPack, que produz embalagens com palha de milho. Nesse sentido, o diretor de Pessoas, Estratégias e Gestão da Irani, Fabiano Alves Oliveira, enfatizou o compromisso da empresa com o desenvolvimento sustentável, buscando iniciativas inovadoras alinhadas com sua missão.

A Irani, fundada em 1941, é uma das líderes do setor de embalagens no Brasil, com unidades produtivas em várias regiões do país. Em 2022, a Irani Ventures anunciou o seu primeiro aporte financeiro, investindo 1,5 milhão de reais na Trashin, startup de economia circular com gestão de lixos de Porto Alegre. Em 2023, a segunda escolhida para o aporte foi a growPack, com 1,4 milhão de reais. Agora, a terceira investida é a Mush.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado