Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Fusão consolidada: Vinci Partners e Compass unem forças em negócio bilionário

Fusão eleva gestão de ativos para US$ 50 bi na América Latina. (Foto: Scott Graham/Pexels)
Fusão eleva gestão de ativos para US$ 50 bi na América Latina. (Foto: Scott Graham/Pexels)

A Vinci Partners, uma das principais gestoras brasileiras, concluiu um marco significativo ao unir forças com a Compass, gestora americana de ativos. A fusão eleva os ativos sob gestão da Vinci para mais de US$ 50 bilhões, estabelecendo a empresa como uma líder em investimentos alternativos na América Latina.

Expansão geográfica e estratégica

Com esta fusão, a Vinci não só aumenta seu portfólio de ativos, mas também sua presença geográfica, marcando presença em nove países da região. Alessandro Horta, CEO da Vinci, destaca a operação como um passo decisivo no plano de crescimento a longo prazo da empresa. A união com a Compass, que opera em sete países latino-americanos, além dos Estados Unidos e Reino Unido, traz uma expansão significativa para a Vinci.

Fusão: detalhes da transação

A estrutura do negócio inclui a troca de 11.783.384 ações de classe A da Vinci e um pagamento em dinheiro de US$ 31,3 milhões em ações comuns resgatáveis de Classe C. Isso representa uma participação inicial de 18% para os sócios da Compass na entidade combinada. Além disso, eles poderão receber até 7,5% de participação adicional até 2028, vinculada ao desempenho.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

Foco em Private Equity e diversificação de negócios

A nova empresa combinada focará em private equity, contando com R$ 8 bilhões já investidos pela Vinci em empresas de diversos setores. Além disso, a parceria estratégica anterior da Vinci com a Ares Management Corporation, que possui cerca de US$ 380 bilhões sob gestão, reforça a posição da empresa no mercado de ativos alternativos.

Perspectivas e impactos da fusão

Este negócio não apenas supera o Pátria Investimentos em tamanho de ativos sob gestão na região, mas também abre portas para novas oportunidades de investimento alternativo, especialmente no Brasil. Manuel Balbontín e Jaime de la Barra, líderes da Compass, se juntarão ao conselho da Vinci, trazendo sua vasta experiência e conhecimento.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado