Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Apple vai lançar recurso para controlar iPhone com os olhos; o que esperar?

Nova ferramenta permitirá controlar iPhone com o olhar ainda este ano

Apple vai lançar recurso para controlar iPhone com os olhos
(Foto: Divulgação/Apple).

A Apple anunciou uma série de novos recursos de acessibilidade para seus dispositivos, com lançamento previsto ainda para este ano. Entre as inovações, destaca-se o “Eye Tracking”, uma ferramenta que permitirá aos usuários controlarem iPhones e iPads apenas com o movimento dos olhos. A empresa busca ampliar a acessibilidade e proporcionar novas formas de interação para pessoas com deficiências físicas.

Tim Cook, CEO da Apple, afirmou que eles acreditam “profundamente no poder transformador da inovação para enriquecer vidas.” e estão “continuamente ampliando os limites da tecnologia”. Afirma, ainda que “esses novos recursos refletem nosso compromisso de longa data em oferecer a melhor experiência possível a todos os nossos usuários”.

Funcionalidades e lançamento

A ferramenta de controle com os olhos estará disponível após o lançamento do iOS 18, previsto para os novos iPhones entre agosto e setembro. Esse recurso, alimentado por inteligência artificial, utiliza a câmera frontal dos dispositivos para configurar e calibrar a navegação ocular. Diferente do Face ID, o “Eye Tracking” não tem relação com o reconhecimento facial.

Publicidade

Sarah Herrlinger, diretora sênior de Políticas e Iniciativas Globais de Acessibilidade da Apple, explicou que “esses novos recursos terão impacto na vida de uma ampla gama de usuários, proporcionando novas maneiras de se comunicar, controlar seus dispositivos e se movimentar pelo mundo”.

Como funciona o Eye Tracking

O rastreamento ocular mede o ponto de foco do olhar ou o movimento dos olhos em relação à cabeça. Um rastreador ocular captura e registra a posição e os movimentos oculares, sendo utilizado em diversas áreas, como pesquisas sobre o sistema visual, psicologia, psicolinguística e marketing.

Recentemente, houve um aumento substancial no uso de rastreadores oculares em aplicações de assistência e reabilitação. Eles são empregados em controles de cadeiras de rodas, braços robóticos e próteses, oferecendo maior autonomia e funcionalidade para pessoas com deficiências físicas.

Outros recursos de acessibilidade

Além do Eye Tracking, a Apple anunciou a funcionalidade “Music Haptics”. Esse recurso emite uma série de vibrações e outros efeitos que acompanham o ritmo da música selecionada, permitindo que pessoas com deficiência auditiva tenham uma experiência sensorial com a música.

 

Outro recurso voltado para a acessibilidade é a criação de atalhos vocais. Voltado principalmente para usuários com problemas degenerativos relacionados à voz, essa funcionalidade permite que comandos gravados sejam utilizados para agilizar a execução de tarefas com a assistente virtual Siri.

Riscos à privacidade e segurança

Apesar das vantagens, o recurso de rastreamento ocular também levanta preocupações em relação à privacidade e segurança dos usuários. A tecnologia permite que a Apple tenha acesso detalhado a cada ponto de foco dos olhos dos usuários na tela. Essa coleta massiva de informações sensíveis pode expor os usuários a riscos, inclusive, caso ocorra um vazamento de dados.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado