Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Fórum Econômico Mundial apela à proteção ambiental

Fórum lista passos para economia de baixo carbono e valor positivo na natureza

Sustentabilidade - Meio Ambiente - ESG - Fórum Econômico Mundial (2)
(Imagem: Pixabay)

O Fórum Econômico Mundial destacou a necessidade das empresas intensificarem ações para proteger a biodiversidade e contribuírem para a transição para uma economia de baixo carbono. Diante de novas catástrofes climáticas, como enchentes simultâneas em vários países, a organização enfatizou a importância da resiliência empresarial.

A natureza sustenta a economia global, com mais da metade do PIB mundial – aproximadamente US$ 44 trilhões – dependendo moderada ou altamente da natureza, incluindo a utilização de água, minerais e regulação climática. De acordo com o Fórum, “líderes empresariais podem transformar seus negócios para ajudar a proteger a natureza e gerar impacto positivo“.

O conceito de travar e reverter a perda de biodiversidade até 2030 é central no Plano de Biodiversidade, ou Quadro Global de Biodiversidade Kunming-Montreal. A ONU adotou este plano durante a Conferência de Biodiversidade, a COP15, no Canadá, em 2020. Portanto, o plano inclui quatro objetivos e 23 metas, com a Meta 15 destacando a necessidade de avaliação e divulgação obrigatórias pelas empresas.

Publicidade

A ONU fez um apelo na última quarta-feira (22) para que todos, incluindo a iniciativa privada, participem ativamente da implementação do Plano de Biodiversidade. O Fórum Econômico Mundial, conhecido pela reunião anual em Davos, nos Alpes Suíços, sempre em janeiro há 53 anos, divulgou orientações para setores específicos com o objetivo de proteger a biodiversidade e gerar bilhões de dólares em valor.

O Relatório de Riscos Globais de 2024 do Fórum Econômico Mundial indica que os riscos ambientais representam metade dos 10 principais riscos nos próximos 10 anos. A perda de biodiversidade e o colapso dos ecossistemas constituem o terceiro maior risco global para a humanidade.

Mudança de perspectiva

“Construir um mundo de impacto positivo na natureza significa mudar a forma como a natureza é vista, substituindo o antigo mantra de simplesmente minimizar os impactos negativos por uma nova abordagem que restaura, protege e valoriza a natureza”, declarou o Fórum Econômico Mundial no próprio site.

A Organização Internacional para a Cooperação Público-Privada, ao destacar essas orientações, reafirma o compromisso de liderar as empresas no caminho para uma economia mais sustentável e resiliente, capaz de enfrentar os desafios climáticos futuros.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado