Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Veja quais os itens mais comprados por estado na Shopee

Estudo revela preferências de compras estaduais na Shopee

Veja quais os itens mais comprados por estado na Shopee
(Foto: Shopee/Divulgação).

Os consumidores brasileiros intensificaram as compras em marketplaces internacionais, atraídos pela diversidade e preços atrativos de produtos como tendas de praia, laces (implantes capilares), e itens de tecnologia. A agilidade na entrega também contribui para a popularidade desses sites, o que gera preocupações para o varejo nacional frente à concorrência dos importados.

Confira as vendas na Shopee por estado

Um estudo da Shopee destaca as preferências dos consumidores de cada estado. Por exemplo, na Região Norte, produtos de tecnologia como tablets e drones são os mais buscados. Destacam-se ainda peculiaridades como os ternos slim em Rondônia e os relógios masculinos em Roraima.

Em Pernambuco, os sapatos Oxford lideram as vendas, enquanto na Bahia, os laces são os mais procurados. No Sudeste, as cortinas blackout são as favoritas no Rio de Janeiro. Os consumidores do Espírito Santo optam por pochetes, e no São Paulo e Paraná, os itens mais comprados são consoles de videogame e tendas de praia, respectivamente.

Publicidade

 

Felipe Piringer, líder de marketing e crescimento na Shopee, afirma: “Os hábitos de consumo de cada localidade foram revelados com um cálculo dos itens que venderam mais que a média no País, mostrando até necessidades particulares de cada local.”

Produtos de R$ 50 mais buscados nos sites de compras

Um estudo realizado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) identificou as categorias mais populares na faixa de preço de até R$ 50, nos sites de compras. Roupas femininas, incluindo calças, jardineiras e shorts de fibra sintética, lideraram as vendas com um crescimento de 407,40% em relação a 2022.

Em seguida, a categoria “Tapetes e revestimentos para pisos” registrou um aumento de 399,80%, posicionando-se em segundo lugar. As lâmpadas ou tubos ocuparam o terceiro lugar com um aumento de 231%.

Os itens mais vendidos incluem:

  1. Calças, jardineiras, bermudas e shorts de fibra sintética para mulheres: aumento de 407,40%.
  2. Tapetes e revestimentos para pisos de materiais têxteis sintéticos ou artificiais: aumento de 399,80%.
  3. Lâmpadas/tubos incandescentes para tensão até 15 V: aumento de 231,00%.
  4. Bebidas não-alcoólicas (excluindo água e cerveja sem álcool): aumento de 163,40%.
  5. Brinquedos com motor não elétrico: aumento de 104,70%.
  6. Bonecos representando seres humanos: aumento de 101,60%.
  7. Lapiseiras: aumento de 99,50%.
  8. Aparelhos eletromecânicos de uso doméstico com motor incorporado: aumento de 87,60%.
  9. Brinquedos com motor elétrico: aumento de 71,90%.
  10. Pilhas e baterias de pequeno porte: aumento de 65,20%.
conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado