Em 2022, superávit da balança comercial foi de US$ 61,8 bilhões

No agro mundial e brasileiro, no cenário internacional, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) projetou a safra mundial de soja do ciclo 2021/22 em 385,53 milhões de toneladas (22,5 milhões de t acima da safra 2020/21)
(Foto: Reprodução/Internet)

De acordo com dados divulgados, nesta segunda-feira (16), pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV/Ibre), o valor total de importações pelo Brasil em 2022 cresceu 24,3% em comparação com o registrado em 2021.

O valor total de exportações pelo país também aumentou 19,1%. Com isso, o déficit na balança comercial do país fechou o ano em US$ 61,8 bilhões, um pouco menor do que os US$ 61,4 bilhões de 2021.

Segundo a instituição, o saldo em novembro e dezembro foi impactado pela melhora das vendas para a China, com destaque para a agropecuária. No entanto, o superávit do setor extrativo caiu e o déficit da indústria de transformação aumentou. Estes dados foram divulgados no Indicador de Comércio Externo (Icomex).

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado