Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

A safra agrícola de 2023 promete recorde histórico com 305,4 milhões de toneladas, segundo IBGE

(Imagem: Pixabay)

O setor agrícola brasileiro pode comemorar. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou em seu Levantamento Sistemático da Produção Agrícola de maio que a safra agrícola de 2023 deve totalizar um recorde de 305,4 milhões de toneladas. Isso representa um aumento expressivo de 16,1% em comparação com a safra de 2022, um acréscimo de 42,2 milhões de toneladas.

A nova previsão de produção é 3,3 milhões de toneladas maior que a projeção feita no levantamento de abril, o que evidencia um incremento de 1,1%. Isso reflete o otimismo dos produtores e a esperança de um ano produtivo e lucrativo na agricultura.

Os produtores do Brasil estão planejando colher uma área significativa de 76,6 milhões de hectares na safra agrícola de 2023, o que representa um aumento de 4,6% em relação à área colhida em 2022. A expectativa em relação à área de colheita cresceu 0,3% em comparação com a estimativa de abril, resultando em mais 237.739 hectares.

Publicidade

O milho, arroz e soja são os pilares da safra agrícola, somando 92,0% da estimativa de produção e 87,2% da área prevista para colheita. Comparado a 2022, a área de colheita do milho aumentou 3,1%, a do algodão herbáceo 1,2%, a do trigo 5,2%, a do sorgo 16,6% e a da soja 6,1%. No entanto, a previsão para a área colhida de arroz e feijão apresentou recuo, com -5,6% e -2,5% respectivamente.

Esses números refletem a dinâmica do mercado agrícola brasileiro e reforçam a importância do setor para a economia nacional. A safra agrícola de 2023 promete ser um marco histórico na produção agrícola brasileira, pavimentando o caminho para novas oportunidades e desafios no setor.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado