Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
Publicidade

OCDE: PIB do G20 cresce 0,9% no 1º trimestre de 2023

G20 bandeiras
Foto: G20.org/Divulgação

O PIB do G20 cresce 0,9% no primeiro trimestre de 2023, marcando um importante anúncio de recuperação econômica global. O grupo, composto pelas 20 maiores economias do mundo, registrou esse crescimento notável, conforme divulgado em um relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) nesta quarta-feira (14/06). Isso representa uma aceleração em relação ao crescimento de 0,4% registrado no quarto trimestre de 2022.

A expansão significativa da economia chinesa foi um dos principais catalisadores para este avanço. De acordo com o relatório, a China viu um aumento de 2,2% em seu PIB no primeiro trimestre, superando o crescimento de 0,6% no trimestre anterior. Ademais, a Índia também contribuiu substancialmente para o crescimento do G20, com um ganho de 1,9% no PIB no mesmo período, um aumento em relação à alta de 1% no final do ano passado.

No cenário latino-americano, o Brasil registrou um aumento expressivo de 1,9% em seu PIB no primeiro trimestre de 2023, em comparação com uma diminuição de 0,1% no trimestre anterior. De igual forma, houve um impulso no crescimento no México e no Japão, com aumentos de 0,6% para 1% e 0,1% para 0,7%, respectivamente.

conteúdo patrocinado

No entanto, o relatório também destaca uma desaceleração no crescimento econômico nos Estados Unidos, Austrália e Turquia nos primeiros três meses de 2023. No caso do Reino Unido, o crescimento foi modesto, com um aumento de 0,1% no PIB, replicando o resultado do trimestre anterior.

A OCDE informa que a Alemanha entrou em recessão no primeiro trimestre, com uma contração de 0,3% após uma queda de 0,4% no último trimestre de 2022. De forma intrigante, mesmo com essas variações, o relatório destaca que, no final de março de 2023, o PIB do G20 excedia o nível pré-pandemia de covid-19 em 7,8%. Contudo, é importante notar que Reino Unido e Alemanha ainda se encontram abaixo dos patamares econômicos pré-pandêmicos.

Este relatório da OCDE é um indicador-chave da gradual retomada econômica após os impactos devastadores da pandemia de Covid-19. Apesar de algumas economias ainda estarem lutando para recuperar sua força, a perspectiva para a maioria das economias do G20 parece ser de crescimento contínuo.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado