Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Micron Technology aposta em expansão na China investindo US$ 600 milhões

Imagem: Micron Technology/Divulgação

A Micron Technology, gigante americana da indústria de microchips, anunciou na sexta-feira (16/06) seus planos de investir US$ 600 milhões para expandir sua produção na cidade chinesa de Xi’an, ignorando a restrição imposta por Pequim há apenas um mês. De acordo com a empresa, o investimento será destinado à construção de uma nova planta de embalagem e testes.

Esta expansão incluirá uma nova linha de produção de chips de memória, aumentando o número de funcionários da Micron na China para mais de 4.500 pessoas. Este movimento audacioso surge apesar de o Ministério do Comércio chinês ter recentemente banido certas empresas rotuladas como operadoras de infraestrutura crítica de informação de adquirir produtos da Micron, citando preocupações de segurança nacional.

A consultoria Gavekal Dragonomics afirma que cerca de 10% da receita da Micron é gerada na China. A Powertech Technology, empresa especializada em semicondutores, revelou que a Micron exerceu sua opção de compra de ativos em Xi’an, após o término do contrato original entre as duas empresas.

Publicidade

No mês passado, a Micron havia informado aos investidores que a proibição do Ministério do Comércio chinês poderia resultar em uma perda de receita na casa de um dígito. A expansão na China, portanto, é uma aposta de que as restrições não terão um impacto de longo prazo sobre seus negócios.

O contexto para essa decisão é uma investigação de Pequim sobre as importações da Micron, vista por muitos como uma retaliação ao veto dos EUA à venda de chips avançados para a China no ano passado. A investida da Micron em solo chinês, apesar dessas restrições, é um sinal de que a empresa está determinada a manter sua presença no mercado asiático.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado