Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Natura avalia medidas contra Boticário por adotar posicionamento ESG sem certificação do Sistema B

Foto: Divulgação

O termo ESG, que significa Environmental, Social and Governance (Ambiental, Social e Governança, em português), refere-se ao conjunto de políticas de sustentabilidade ambiental, social e de governança corporativa adotadas por uma empresa. Atualmente, esse conceito tem ganhado destaque no cenário empresarial, pois evidencia a responsabilidade das organizações em relação ao meio ambiente, às questões sociais e à transparência em suas práticas de gestão.

Uma das formas de demonstrar o comprometimento com o ESG é por meio da certificação do Sistema B, um selo de qualidade relacionado a esse conjunto de políticas. Para obter essa certificação, as empresas precisam passar por um rigoroso processo de auditoria, no qual são avaliados diversos critérios relacionados à sustentabilidade e à responsabilidade social.

No entanto, nos últimos tempos, a Natura tem expressado sua preocupação em relação ao Grupo Boticário, um concorrente direto no mercado de beleza. Isso se deve ao fato de que o Boticário tem adotado um discurso semelhante ao ESG em suas publicações nas redes sociais, mas sem ter passado pelo processo de certificação do Sistema B.

Publicidade

A Natura, que obteve a certificação do Sistema B em 2020, precisa pagar cerca de R$ 55 mil por ano para mantê-la. Além disso, há uma taxa de renovação e um valor fixo proporcional ao faturamento da empresa. Diante disso, a Natura está avaliando quais medidas poderiam ser tomadas contra o Boticário, considerando que este último assumiu publicamente um posicionamento relacionado ao ESG sem passar pelo processo de certificação.

A certificação do Sistema B permite que as empresas adotem o chamado discurso “do-para” em seu marketing, no qual elas se comprometem a ser a melhor “para” o mundo, adotando práticas sustentáveis e responsáveis. A Natura acredita que a situação atual enfraquece o Sistema B e o engajamento das empresas certificadas, que atualmente somam cerca de 300 no Brasil e mais de 7 mil em todo o mundo.

Diante desse cenário, a líder do mercado de beleza está avaliando quais medidas poderiam ser tomadas em relação ao Boticário, a fim de garantir a integridade do Sistema B e o engajamento das empresas certificadas.

Até o momento, o Grupo Boticário optou por não comentar sobre a situação.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado