Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Bancos estão voltando ao Brasil após 20 anos, diz diretor do BC

Bancos estão voltando ao Brasil após 20 anos, diz diretor do BC
Diretor de Regulação do Banco Central (BC), Otavio Ribeiro Damaso (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil).

O diretor de regulação do Banco Central (BC), Otavio Ribeiro Damaso, revelou que bancos que deixaram o Brasil há 20 ou 25 anos estão voltando. Este retorno é possível graças às inovações tecnológicas que permitem a essas instituições escalar suas operações sem o alto custo de manter agências físicas em todo o território nacional. Damaso pontuou que, anteriormente, a expansão no Brasil era inviável para muitos devido à necessidade de uma ampla rede de agências. A declaração foi feita em um evento na Associação dos Magistrados do Maranhão, na última quinta-feira (28).

O diretor de regulação do Banco Central também abordou a trajetória das instituições financeiras internacionais no Brasil. Ele destacou como, com o advento do Plano Real, muitos bancos estrangeiros se estabeleceram no país, mas acabaram se retirando devido à dificuldade de expansão.

“Não conseguiram abrir em velocidade rápida uma quantidade de agência que é custoso, no país inteiro, e, naquela época, para crescer, para se consolidar, tinha que ter agência e agência em várias localidades no país inteiro”, disse.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

Damaso também destacou a importância da tecnologia neste processo de retorno. Segundo ele, a capacidade de oferecer novos produtos e serviços por meio de plataformas digitais é um fator crucial para o aumento da concorrência no sistema financeiro brasileiro. Este movimento, afirmou, é benéfico para o consumidor, pois amplia as opções de serviços financeiros disponíveis.

Além disso, o diretor do BC mencionou a “tokenização da economia” como uma tendência atual, explicando que este processo, que transforma ativos em tokens digitais, está se expandindo rapidamente e que o Banco Central está atento para apoiar essa inovação. Damaso fez questão de diferenciar essa tendência das criptomoedas, as quais fazem parte de outra discussão.

Pix e Open Finance

Um dos pontos altos da palestra foi a discussão sobre o Pix, o sistema de pagamentos instantâneos do Brasil. Damaso ressaltou a eficiência e popularidade do Pix, mencionando o interesse internacional pelo sistema. Ele revelou que o BC está colaborando com bancos centrais de outros países para desenvolver sistemas semelhantes, incluindo os Estados Unidos.

Por fim, o diretor abordou o tema do Open Finance, esclarecendo que o Banco Central não pretende criar um “super app”, mas acredita que os próprios bancos desenvolverão essas soluções. Com o Open Finance, os clientes poderão ter uma visão integrada de sua vida financeira, incluindo contas em diferentes instituições, e até mesmo acessar serviços de marketplaces parceiros, oferecendo uma experiência financeira mais completa e integrada.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado