Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Grupo Emirates divulga lucro recorde de R$ 26 bilhões em 2023-24

O Grupo Emirates registrou aumento no lucro de 71% em relação ao ano anterior de 2022.
Emirates - Super Jumbo A380 (Foto: Divulgação)

O Grupo Emirates alcançou um lucro recorde de AED 18,7 bilhões (US$ 5,1 bilhões, ou aproximadamente R$ 26 bilhões) no ano fiscal encerrado em 31 de março de 2024, um aumento substancial de 71% em relação ao ano anterior, quando registrou AED 10,9 bilhões (US$ 3,0 bilhões). Os resultados, divulgados nesta segunda-feira (13/05), são parte de um contexto de expansão global contínua para atender à crescente demanda dos clientes.

Receita e Caixa do Grupo Emirates

Em 2023-24, o lucro recorde do conglomerado Emirates foi impulsionado por um aumento de 15% na receita, que alcançou AED 137,3 bilhões (US$ 37,4 bilhões). O saldo em caixa do grupo também cresceu, atingindo um máximo histórico de AED 47,1 bilhões (US$ 12,8 bilhões), o que representa um aumento de 11% em relação ao ano anterior. Esse crescimento ocorreu em um ano marcado por investimentos significativos em novas aeronaves, tecnologias e expansão das instalações, totalizando AED 8,8 bilhões (US$ 2,4 bilhões).

No que se refere ao transporte de passageiros e carga, a capacidade total da Emirates aumentou 20% em relação ao ano anterior, com a companhia aérea transportando 51,9 milhões de passageiros, um aumento de 19%. A Emirates SkyCargo desempenhou um papel importante, transportando 2,2 milhões de toneladas de mercadorias em todo o mundo, um aumento de 18%.

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado

A expansão da frota foi elevada, com a Emirates operando o Airbus A380 (foto) em 49 destinos e introduzindo a experiência Premium Economy em 15 cidades, incluindo São Paulo/Guarulhos. A frota total no fim de março era de 260 aeronaves, com uma idade média de 10,1 anos, e o livro de encomendas da Emirates registrava 310 aeronaves, incluindo um investimento de US$ 58 bilhões para 110 aeronaves adicionais anunciadas na Dubai Airshow de 2023.

ESG da Emirates

Além das conquistas financeiras e operacionais, o Grupo Emirates fez progressos em suas iniciativas de sustentabilidade durante 2023-24. A companhia aérea assinou acordos para aumentar o uso de combustível sustentável de aviação (SAF) e operou seu primeiro voo de demonstração do A380 usando 100% de SAF em um motor. A Emirates também estabeleceu um fundo de US$ 200 milhões para apoiar a pesquisa e desenvolvimento de tecnologias que reduzam o impacto dos combustíveis fósseis.

A dnata, parte integrante do Grupo Emirates, também viu um aumento expressivo em seu desempenho, com um lucro de AED 1,4 bilhão (US$ 387 milhões), um crescimento de 330%. Essa divisão ampliou o uso de veículos elétricos e híbridos em suas operações globais e se tornou o primeiro provedor de serviços aéreos combinados a receber a certificação de gestão ambiental (IEnvA) da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA).

O crescimento da força de trabalho em 10%, alcançando 112.406 funcionários, reflete o compromisso contínuo do Grupo em expandir e fortalecer suas capacidades operacionais em um mercado global cada vez mais competitivo.

Controle do Grupo Emirates

A Emirates Airline, parte do Grupo Emirates, é a maior operadora aérea do Oriente Médio, mantendo rotas para mais de 150 destinos em seis continentes e gerenciando uma frota de aeronaves de grande porte. Esta companhia aérea, junto com a dnata, uma companhia de serviços aéreos que oferece assistência em terra em 126 aeroportos ao redor do mundo, compõe o conglomerado empresarial.

O Grupo é uma holding de aviação internacional, de propriedade integral do Governo de Dubai, administrativamente sob o controle da Investment Corporation of Dubai e integrando a Dubai Inc. Está localizado em Garhoud, Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Leia Também:

Aviação: conheça a empresa que vai produzir combustível sustentável

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado