Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Fusão em risco: Suzano tenta comprar a International Paper

Negócio ameaça fusão da IP com DS Smith

Compra da International Paper é disputada por duas gigantes do setor. (Foto: Divulgação/Suzano)
Compra da International Paper é disputada por duas gigantes do setor. (Foto: Divulgação/Suzano)

Andrew Silvernail, CEO da International Paper (IP), reuniu-se em Londres com Miles Roberts, presidente-executivo da DS Smith, para discutir a fusão das empresas. Essa transação, avaliada em US$ 7,4 bilhões (R$ 38,79 bilhões), está ameaçada pela oferta da Suzano.

Reunião em Londres

Nesse sentido, no mês passado, Silvernail assumiu o cargo de CEO da IP, baseada em Memphis, Tennessee. Em Londres, ele se encontrou com os principais acionistas da DS Smith para reforçar o compromisso com a fusão.

Compra da International Paper: interesse da Suzano

Entretanto, a Suzano, maior produtora mundial de celulose, está revisando sua oferta inicial de US$ 15 bilhões (R$ 78,6 bilhões) pela IP, após a proposta ter sido rejeitada. Após a movimentação, fontes informaram à Bloomberg sobre a nova oferta em andamento.

Publicidade

Dessa maneira, as negociações entre Suzano e IP preocupam os investidores. Na B3, as ações da Suzano caíram 3,26%, marcando a maior queda do dia no Ibovespa.

Leia também:

Ofertas e negociações

A IP considerou a oferta inicial da Suzano, de US$ 42 por ação, insuficiente. Especialistas sugerem, por conseguinte, que uma oferta superior a US$ 50 por ação seria mais atrativa.

Histórico da International Paper

Fundada em 1898, a IP é uma gigante americana no setor de papel e celulose, com sede em Memphis. Nesse sentido, no Brasil, a empresa se estabeleceu em 2000 após adquirir a Champion, dona das marcas Chamex e Chamequinho. Sua principal planta industrial no país está em Mogi Guaçu, SP.

Histórico da Suzano

A Suzano, por sua vez, fundada em 1924, é a maior produtora mundial de celulose de eucalipto. A empresa possui operações, portanto, em aproximadamente 60 países e várias unidades industriais no Brasil e no exterior. Além disso, a Suzano controla quase um terço da capacidade global de celulose de fibra curta, essencial para a produção de papel higiênico e de escrita.

Fusão sob risco

Dessa forma, a fusão entre a IP e a DS Smith, acordada em abril, pode ser inviabilizada pela aquisição da IP pela Suzano. O valor do negócio entre IP e DS Smith é de US$ 7,4 bilhões.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado