Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Brasileiros devem gastar cerca de R$ 400 com presentes de Natal

A pesquisa indica também que 41% dos participantes confessaram estar indecisos sobre o que presentear. Foto de Matthew Badsey no Pexels
A pesquisa indica também que 41% dos participantes confessaram estar indecisos sobre o que presentear. Foto de Matthew Badsey no Pexels

A intenção de compras dos brasileiros para o Natal deste ano é maior do que a registrada em outras datas comemorativas, como Dia dos Namorados e Dia dos Pais. De acordo com uma pesquisa feita pela plataforma de comércio eletrônico, Shopee, os brasileiros devem gastar em média R$ 400 com as compras para o período.

No levantamento realizado com mais de 2 mil pessoas de todas as regiões do país, 96% responderam que pretendem presentear familiares e 66% compartilharam que o mais importante na hora de escolher algo é o preço acessível e o custo-benefício.

Os resultados mostram que 70% dos participantes costumam usar o e-commerce para comprar produtos em datas comemorativas e entre os principais motivadores para as compras online estão cupons de frete grátis (71%), preços baixos (63%), promoções (62%) e a variedade de produtos disponíveis (58%).

conteúdo patrocinado

Os dados revelam ainda que 42% dos participantes já aproveitaram as promoções da Black Friday para adiantar as compras natalinas e 70% costumam procurar os mimos com duas semanas ou até mais de antecedência.

“Os brasileiros adoram presentear e o clima de fim de ano é um momento ainda mais propício. Na Shopee, queremos oferecer aos consumidores as melhores oportunidades e variedade de itens, ajudando-os a celebrar esse período festivo da melhor forma. Como uma plataforma democrática e com diversidade de produtos de vendedores brasileiros e internacionais, queremos que o consumidor tenha uma experiência fácil, segura e divertida de compras.”, reforça Felipe Piringer, responsável pelo marketing e estratégia na empresa.

A pesquisa indica também que 41% dos participantes confessaram estar indecisos sobre o que presentear e que 48% deles normalmente escolhem primeiro o presente e depois procuram a loja com a melhor oferta. No estudo, 66% dos entrevistados afirmaram considerar importante o preço acessível e a boa relação de custo-benefício na hora de buscar opções de presente, seguidos de 12% que preferem escolher algo que a pessoa deseja ganhar.

Quando questionados sobre os produtos que pretendem comprar neste fim de ano, os entrevistados compartilharam como itens preferidos: roupas femininas com 49% das intenções de compra, seguidos de calçados com 44%, e brinquedos com 37%. A média de presentes comprados deve ser de 7 por pessoa.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado