Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

O que você precisa fazer para se tornar um bom negociador – Por Edilson Botto

*Coluna por Edilson Botto, 31/07/2022

“Jamais devemos negociar por medo, mas
jamais devemos ter medo de negociar”.
John Kennedy

Negociar é uma necessidade do dia-a-dia, mesmo sem perceber que negociamos o tempo todo. Bons negociadores conseguem eliminar barreiras e construir pontes que unem pessoas gerando ganhos para todos os envolvidos em uma disputa, portanto essa é uma habilidade de extrema importância em qualquer organização.

conteúdo patrocinado

Muito do se aplica em uma negociação surgiu a partir de experiências geradas em situações de crise vivenciadas por forças militares ou policiais sendo, portanto uma fonte que merece ser estudada. Com base nessa ideia o ex-comandante do GATE, consultor e professor de negociação Diógenes Lucca escreveu o livro O Negociador – Estratégias de negociação para situações extremas, onde através de 10 lições o autor transmite o conhecimento que adquiriu ao longo dos seus anos como negociador do GATE de São Paulo.

Lição 1: Lidar com o conflito – Em uma negociação sempre pode surgir algum conflito, um bom negociador não vê o conflito como um problema, mas como uma oportunidade de construir uma solução que gere ganhos para as partes envolvidas.

Lição 2 : A estrutura que suporta o processo – Como ninguém faz nada sozinho a sua equipe de apoio deve estar alinhada e unida em torno dos objetivos planejados

Lição 3 : Informação é fundamental – Um bom negociador deve possuir conhecimento técnico além de obter todas as informações sobre a negociação e sobre o outro negociador.

Lição 4: Organizar o local – Preparar o local da negociação e criar um ambiente adequado são pontos que contribuem para estabelecer um clima favorável ao sucesso do processo.

Lição 5: Aprenda a ouvir – Certamente você já viu essa recomendação muitas vezes, mas em uma negociação ouvir é ainda mais relevante pois permite entender e interpretar as palavras do seu interlocutor, além de encontrar os melhores argumentos para apresentar o seu ponto de vista e conduzir a negociação para um acordo satisfatório para ambas as partes.

 Lição 6: Aprenda a pensar com a cabeça do outro – Pensar com a cabeça do outro é consequência de um trabalho de coleta de informações bem feito e de uma preparação correta. Ao entender o pensamento do outro é possível projetar seus pensamentos e antecipar estratégias.

 Lição 7: Mantenha o controle – Sentimentos de medo ou raiva prejudicam a capacidade de raciocinar, por isso é fundamental manter o equilíbrio e não se deixar dominar pelas emoções.

Lição 8: Reconsidere quando necessário – Uma negociação envolve riscos e sempre há fatores que estão fora de controle, portanto às vezes é necessário reconsiderar, então mantenha seu ego sob controle e tenha sempre em mente o objetivo da negociação.

Lição 9: Cumpra o que foi combinado – Um bom negociador zela pela sua reputação e para isso é fundamental sempre cumprir o que foi combinado.

Lição 10: Credibilidade é a melhor arma em uma negociação – Este é o maior patrimônio de um negociador, você deve cuidar para ser conhecido pela sua competência, confiabilidade e por sempre buscar acordos justos e duradouros.

A obra está recheada de histórias vividas por Lucca que esclarecem cada lição e permitem que o leitor tenha uma melhor ideia de como aplicar o que aprendeu.

 Boa leitura!

**Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do ENB.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado