Comércio entre Brasil e Holanda terá crescimento através da Pauta Verde, prevê diplomata

Em sabatina realizada na quinta-feira, 25, pela Comissão de Relações Exteriores (CRE) o diplomata Fernando Simas Magalhães firmou que as chancelarias do Brasil e dos Países Baixos estão na fase final de negociações do Mapa do Caminho, documento diplomático que indica as pautas bilaterais prioritárias.

“Esse Mapa do Caminho, por iniciativa da Holanda, vai priorizar investimentos em energias renováveis, no hidrogênio verde e nos biocombustíveis”, disse.

Magalhães também chamou a atenção para o fato de que grandes multinacionais holandesas tem presença marcante no Brasil. Entre elas, estão os bancos ABN Amro e Rabobank, além das empresas Heineken, Phillips, KLM, Makro, Shell, Unilever, AkzoNobel, Arkadis e Boskalis.

O diplomata destacou ainda o crescimento de negócios brasileiros na Holanda. Petrobras, Embraer, Braskem, Bertin Agropecuária, Cutrale, Perdigão e Seara Foods são algumas das principais empresas brasileiras hoje instaladas país.

O diplomata obteve aprovação para comandar a Embaixada Brasileira nos Países Baixos (Holanda), por unaminidade: 13 votos a favor e nenhum contrário a sua indicação. Agora, falta o Senado ratificar a decisão da Comissão em votação a ser realizado no Plenário da casa.

Relator da indicação, o senador Chico Rodrigues (PSB-RR) destacou a robustez do comércio bilateral entre os dois países, com a vantagem de os fluxos serem positivos para o Brasil.

“O já tradicional superávit na balança comercial manteve-se favorável ao Brasil em 2022, com crescimento de 27% em relação a 2021. Nossas exportações chegaram a US$ 11,9 bilhões, um aumento de 28% em relação a 2021, enquanto as importações da Holanda foram de US$ 2,7 bilhões. Ou seja, nosso saldo foi positivo em US$ 9,2 bilhões. Exportamos principalmente óleos brutos de petróleo, soja e farelos de soja. O porto de Rotterdam também é o mais relevante ponto de entrada de bens brasileiros na Europa e destino da maior parte das exportações do agronegócio brasileiro ao continente europeu”, informou Rodrigues.

Em 2021, segundo o Banco Central, a Holanda foi o principal destino dos investimentos diretos brasileiros no exterior, com estoque de US$ 81 bilhões, 19% do montante total. O país, que abriga cerca de 70 mil brasileiros, tem o oitavo maior PIB per capita do mundo, que alcança U$ 63,5 mil anuais.

 

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado