Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Quem é Clemente Del Vecchio, o bilionário mais jovem do mundo

Foto: Reprodução/Instagram

Clemente Del Vecchio, um jovem de 19 anos, acaba de se tornar o bilionário mais novo do mundo. Ele herdou uma fortuna estimada em cerca de US$ 4 bilhões de seu pai, o magnata Leonardo Del Vecchio, fundador da Luxottica, a marca de óculos mais valiosa do mundo.

A Luxottica é responsável pela produção de renomados óculos de grife, incluindo marcas como Dolce & Gabbana, Vogue, Prada, Giorgio Armani, Oakley e Ray-Ban. Há cinco anos, a empresa tinha um valor estimado em mais de US$ 80 bilhões.

De acordo com o portal G1, Clemente herdou uma participação de quase 13% do controle acionário da EssilorLuxottica, conglomerado que também detém ações de importantes instituições italianas, como a incorporadora imobiliária Covivio, a seguradora Generali e os bancos Mediabanca e UniCredit.

Publicidade

O falecimento de seu pai, Leonardo, em 27 de junho do ano passado, marcou o fim de uma jornada extraordinária. Diferente de Clemente, Leonardo nasceu em uma família pobre de Barletta, no sul da Itália, e cresceu em um orfanato, afastado do convívio familiar. Em 1961, o empresário fundou a Luxottica, inicialmente fornecendo acessórios para óculos, até expandir o negócio e começar a vender suas próprias armações ao público consumidor. Del Vecchio permaneceu à frente da empresa até 2018, quando ocorreu a união entre a Luxottica e a Essilor.

Clemente herda uma parte da fortuna acumulada por seu pai, porém, os valores brutos foram divididos entre seus outros cinco filhos, sua esposa e os executivos e colaboradores que trabalharam com o empresário ao longo de sua vida.

Magnata

A trajetória do magnata Leonardo Del Vecchio começou em 1935, quando nasceu em Milão, Itália, em uma família pobre de Barletta, no sul do país. Seu pai faleceu antes de seu nascimento e sua mãe já tinha outros quatro filhos, o que o levou a crescer em um orfanato. Inicialmente, ele começou sua carreira como aprendiz de um fabricante de ferramentas e moldes em Milão, mas decidiu utilizar suas habilidades em metalurgia para criar peças para espetáculos.

Em 1961, Del Vecchio se mudou para Agordo, na província de Belluno, onde se concentra a maior parte da indústria ótica italiana. Foi nesse local que ele fundou a Luxottica sas, uma sociedade limitada. Em 1967, começou a vender armações de óculos completas sob a marca Luxottica e, em 1971, expandiu seus negócios para a fabricação de lentes de contato.

Ao longo dos anos, Del Vecchio expandiu sua empresa por meio de aquisições estratégicas. Em 1974, adquiriu a Scarrone, uma empresa de distribuição. Em 1981, a Luxottica abriu sua primeira subsidiária internacional na Alemanha. A partir de então, estabeleceu acordos de licenciamento com renomados designers, como Giorgio Armani em 1988.

A empresa foi listada na bolsa de valores de Nova York em 1990 e em Milão em dezembro de 2000, ingressando no índice MIB-30 (agora S&P/MIB) em setembro de 2003. A listagem ampliou a capacidade da empresa de adquirir outras marcas, começando pela italiana Vogue em 1990, Persol e US Shoe Corporation (LensCrafters) em 1995, Ray-Ban em 1999 e Sunglass Hut, Inc. em 2001.

A Luxottica continuou sua expansão por meio de aquisições no setor varejista, comprando a OPSM, sediada em Sydney, em 2003, a Pearle Vision em 2004, a Surfeyes em 2006 e a Cole National em 2004. Além disso, em novembro de 2007, adquiriu a Oakley em um acordo no valor de US$ 2,1 bilhões.

Del Vecchio também possuía uma participação de 10% no banco de investimentos italiano Mediobanca.

Agora, Clemente Del Vecchio, com apenas 19 anos, assume o legado de seu pai e se torna o bilionário mais jovem do mundo, consolidando-se como uma das figuras proeminentes no universo dos negócios. Sua herança não apenas representa uma responsabilidade financeira, mas também o desafio de manter o legado de sucesso e inovação criado por seu pai, levando a Luxottica e a EssilorLuxottica a novos patamares de sucesso na indústria de óculos de grife.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado