Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Larry Fink permanece na BlackRock, mas já planeja sucessão futura

Foto: Divulgação/BlackRock

O líder da BlackRock, Larry Fink, que está com 70 anos, fez uma declaração clara: não tem planos de se aposentar de seu posto na maior gestora de ativos do mundo por enquanto. Entretanto, o executivo está de olho no futuro e a empresa já começa a se preparar para uma eventual sucessão.

Cofundador da BlackRock em 1988, Fink tem trabalhado consistentemente para o crescimento da empresa. No entanto, investidores e analistas começam a questionar quem assumirá o comando da companhia no futuro.

“A BlackRock está em um momento estratégico de inflexão, buscando impulsionar o crescimento e atender às necessidades dos clientes. Portanto, a sucessão na BlackRock adquire uma importância adicional”, apontou Cathy Seifert, vice-presidente da empresa de pesquisa CFRA.

Publicidade

Durante um evento com investidores da BlackRock, Fink destacou que uma de suas maiores prioridades é o desenvolvimento da próxima geração de líderes para a empresa.

A BlackRock está focada em manter seu crescimento orgânico, esperando uma taxa de 5% na receita entre 2023 e 2027, mantendo o mesmo ritmo observado entre 2019 e 2022. Além disso, a empresa tem como objetivo aumentar sua participação de mercado no segmento de 2,8% para 3,1%.

Outro ponto estratégico da empresa está na busca por oportunidades de aquisição, conforme revelado pelos executivos durante o evento com os investidores. Tal anúncio fez as ações da BlackRock registrarem alta de quase 2%, impulsionadas também pelas perspectivas de uma pausa no aumento das taxas de juros pelo Federal Reserve, beneficiando as gestoras de ativos.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado