Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

123milhas: Justiça de Minas Gerais suspende ações contra a empresa

123 Milhas: Sócios poderão ser conduzidos a CPI
(Foto: Divulgação)

Nesta quinta-feira (31), a Justiça de Minas Gerais aceitou o pedido de recuperação judicial da empresa 123milhas. A decisão foi assinada pela juíza Cláudia Helena Batista. Com efeito, isso resulta na suspensão de todas as ações e execuções contra a companhia por um período de 180 dias.

A 123milhas apresentou o pedido na terça-feira (29) com uma dívida considerável, somando aproximadamente R$ 2,3 bilhões. Esse montante é significativo. Uma análise inicial da juíza da 1ª Vara Empresarial da Comarca de Belo Horizonte sugere que a empresa tem mais de 700 mil credores, a maioria pessoas físicas. A decisão da juíza estipula que o plano de recuperação deve incluir medidas de reparação para esses consumidores.

A determinação também estabelece um prazo de 15 dias para que os credores enviem divergências nas dívidas apresentadas pela 123milhas aos administradores judiciais. Aqueles que desejam buscar mediação devem enviar suas solicitações à 1ª Vice Presidência do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais.

Publicidade

A juíza nomeou dois administradores judiciais para o processo: Paoli Balbino & Barros Sociedade de Advogados e Brizolar e Japur. Ambos têm 48 horas para aceitar a nomeação. Assim sendo, tribunal definiu honorários de 4% da dívida total de R$ 2,3 bilhões para cada um, totalizando R$ 46 milhões para cada administrador.

A empresa ainda deve fornecer documentação adicional, incluindo informações sobre empregados, bens de administradores, extratos bancários e outros dados pessoais, que seguem de forma sigilosa no processo. Além da 123milhas, a Nouvem e a Art Viagens também solicitaram a recuperação judicial. A Art Viagens é uma das principais fornecedoras da 123milhas e ocupa a posição de devedora solidária em contratos e obrigações.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado