Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Descobrindo o Kintsugi: a arte japonesa de restaurar cerâmicas com ouro

(Foto: Karen Laårk Boshoff/Pexels)

Descobrindo o Kintsugi, é como embarcar numa jornada de resgate da beleza e singularidade de objetos que, para muitos, poderiam ser considerados descartáveis. Esta arte japonesa, cujo nome literalmente significa “emendar com ouro”, surgiu no século XV como uma técnica refinada de restauração de cerâmicas e porcelanas.

Naquela época, o xogum Ashikaga Yoshimasa, um poderoso líder militar e político, enviou uma cerâmica de cerimônia do chá para ser restaurada na China. Insatisfeito com a técnica de restauração chinesa que usava grampos metálicos, o xogum solicitou aos artesãos locais que desenvolvessem uma nova forma de consertar a peça. Foi assim que nasceu o Kintsugi, uma técnica que, em vez de ocultar, realça as imperfeições com laca misturada a pó de ouro, prata ou platina.

Essa arte milenar pode ser aplicada através de três estilos principais:

Publicidade
  1. Estilo Hibi: A aplicação de uma resina ou cola misturada com pó de metais preciosos para unir os fragmentos da peça.
  2. Estilo Kake: Onde um pedaço faltante é preenchido com ouro ou uma mistura de resina e ouro.
  3. Estilo Yobitsugi: Uma técnica em que um fragmento de outra peça é utilizado para completar a parte que falta na peça em restauração.

O Kintsugi não é apenas uma técnica de restauração, mas também uma filosofia que ressoa profundamente com o conceito de Wabi Sabi, que valoriza a aceitação das imperfeições e do desgaste natural que ocorre com o passar do tempo. Ao invés de esconder as marcas da passagem do tempo, as cicatrizes são valorizadas, revelando uma nova faceta de beleza e conferindo à peça um caráter único.

No vídeo, Paulo Hatanaka, um renomado restaurador de obras de arte e especialista em Kintsugi, compartilha detalhes fascinantes sobre a origem e o processo de realização desta arte.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado