Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Brasil busca estimular relação Mercosul-Emirados

Bandeira do Mercosul. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Atualmente, o governo brasileiro, sob a presidência temporária do Mercosul, está explorando a possibilidade de expandir os acordos comerciais do bloco. O Ministério de Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) abriu consultas para sondar empresários e a sociedade civil sobre a potencial expansão do acordo comercial entre o Mercosul e os Emirados Árabes Unidos. Além disso, o governo considera revisar o atual acordo entre o Mercosul e a Índia, o qual é considerado “extremamente limitado.”. A expansão dos acordos comerciais visa criar oportunidades para o mercado exportador brasileiro.

As discussões sobre a parceria existente com a Índia fazem parte do esforço do Brasil de explorar novas oportunidades comerciais. Considerando a economia robusta da Índia e suas altas taxas de crescimento, ela se torna um mercado promissor para as exportações brasileiras. A consulta pública visa identificar setores que possam se beneficiar de uma expansão dos acordos, com foco em áreas como máquinas e equipamentos, alimentos e bebidas. Embora a expansão não busque um livre comércio, a ideia é que o acordo inclua um maior número de produtos.

O governo brasileiro acredita que as oportunidades de expansão comercial entre o Mercosul e a Índia e os Emirados Árabes Unidos podem impulsionar o comércio bilateral e diversificar produtos, além de atrair investimentos. O MDIC busca avaliar interesses e preocupações dos setores envolvidos antes de levar qualquer proposta ao Mercosul. Em 2022, o comércio entre Brasil e Emirados Árabes Unidos atingiu US$ 5,7 bilhões, com um aumento de 75% em relação a 2021.

Publicidade

As exportações brasileiras para os Emirados Árabes Unidos incluem produtos como carne de aves, açúcar e carne bovina. A consulta pública oferecerá mais clareza sobre as possíveis oportunidades e riscos nos acordos comerciais com esses parceiros estratégicos.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado