Boletim Focus apresenta projeções do mercado; confira

(Foto: Divulgação)

No mais recente Boletim Focus do Banco Central, divulgado nesta segunda-feira (30), analistas ajustaram suas projeções econômicas, com foco nas perspectivas para a inflação, o PIB, a taxa básica de juros (Selic), o câmbio, o resultado primário, a dívida pública e a balança comercial brasileira.

Inflação 2023

A estimativa do IPCA para este ano caiu de 4,65% para 5,63%, marcando a terceira semana consecutiva de redução. No entanto, há preocupações para 2024, já que a previsão de inflação avançou de 3,87% para 3,90%. A projeção para a inflação de 2025 permanece inalterada em 3,50% há 14 semanas, enquanto a de 2026 mantém-se em 3,50% nas últimas 17 edições do Boletim Focus.

IPCA

Os preços administrados dentro do IPCA também apresentaram movimentação, recuando de 9,68% para 9,61% para este ano e subindo de 4,20% para 4,47% em 2024. Para 2025, a estimativa recuou de 3,97% para 3,96%, e a projeção para 2026 permanece inalterada em 3,50% há 14 semanas.

PIB

No que diz respeito ao crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), as projeções para 2023 caíram de 2,92% para 2,89%. Para 2024, a previsão permanece em 1,50% nas últimas seis pesquisas. Em relação a 2025, a projeção também se mantém inalterada em 1,90% há cinco semanas, enquanto para 2026, a estimativa permanece nos mesmos 2,0% há 12 pesquisas consecutivas.

Selic

As projeções para a taxa básica de juros (Selic) em 2023 não sofreram alterações, mantendo-se em 11,75%. No entanto, as estimativas para 2024 e 2025 subiram após semanas de estabilidade. Para 2024, a projeção avançou de 9,0% para 9,25%, e para 2025, subiu de 8,50% para 8,75%. A estimativa para 2026 permanece em 8,50% há 13 semanas consecutivas.

Câmbio

A estimativa para o dólar em 2023 permanece estável em R$ 5,00 nesta semana. Para 2024, a projeção se mantém em R$ 5,05, enquanto para 2025, continua em R$ 5,10. Em relação a 2026, a projeção subiu de R$ 5,19 para R$ 5,20.

Resultado Primário

A projeção para o resultado primário em 2023 se mantém em -1,10% do PIB há quatro semanas, mas a estimativa de déficit para o ano seguinte piorou, de 0,75% do PIB para 0,78%. A previsão de déficit para 2025 permanece inalterada em 0,55% do PIB, enquanto a de 2026 passou de -0,40% do PIB para -0,45% do PIB.

Dívida Pública

A projeção para a dívida líquida do setor público em 2023 foi mantida em 60,60% do PIB, enquanto a de 2024 recuou de 63,90% do PIB para 63,68%. A de 2025 também recuou de 65,85% do PIB para 65,70% do PIB, e a de 2026 avançou de 67,40% do PIB para 67,45% do PIB.

Balança Comercial

A projeção para a balança comercial brasileira em 2023 avançou de um superávit de US$ 74,35 bilhões para um saldo positivo de US$ 74,95 bilhões. Para 2024, a estimativa caiu de US$ 61,80 bilhões para US$ 60,60 bilhões, enquanto a de 2025 subiu de US$ 58,30 bilhões para US$ 60,0 bilhões. A estimativa da balança para 2026 também avançou, de US$ 59,50 bilhões para US$ 60,0 bilhões. As atualizações nas projeções econômicas refletem a constante monitorização do cenário financeiro e suas implicações no país.

Mais Lidas

Últimas Notícias

LEIA MAIS

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?