Kinea Agro Income: primeiro Fiagro dolarizado do Brasil

Gestora planeja captar R$ 1 bilhão com novo fundo. (Foto: Divulgação)

Na segunda-feira (05/02), a Kinea Investimentos lançou a oferta pública do primeiro Fiagro dolarizado do Brasil, o Kinea Agro Income, negociado pelo ticker KDOL11. O fundo busca captar até R$ 1 bilhão para operações em CRAs (Certificados de Recebíveis Agrícolas) dolarizados, com um investimento mínimo de aproximadamente R$ 1.000.

Objetivo do Fundo

A ideia é oferecer o Fiagro dolarizado que una exposição em moeda forte, proteção contra a perda do poder de compra do real e pagamento recorrente de proventos. O pipeline do fundo buscará operações de alta qualidade visando proporcionar aos investidores um retorno próximo de USD + 5% ao ano, com pagamento mensal de rendimentos e o benefício da isenção de imposto de renda aplicável aos Fiagros para pessoas físicas. Isso o torna uma das poucas opções de investimento em dólar com essa característica de isenção de IR. O prazo de encerramento determinado estabelece uma expectativa de desinvestimento de até sete anos.

Benefícios para Investidores

Para o investidor, toda a operação será em real. A distribuição mensal dos rendimentos estará vinculada às taxas de remuneração das operações, ou seja, o spread em relação ao dólar. A variação do dólar será incorporada ao patrimônio dos investidores e amortizada durante o período de desinvestimento.

Potencial do Setor Agro

Acredita-se que o setor agro, o maior exportador do país, apresenta um ambiente favorável para um produto dolarizado. Em 2022, o segmento foi responsável por US$ 141 bilhões em exportações na balança comercial. O Fundo será dedicado a operações defensivas, em parceria com grupos empresariais capazes de honrar suas obrigações dolarizadas mesmo em ambientes bastante desfavoráveis para a nossa moeda, o real.

Histórico de Retorno

Um estudo da gestora, com dados de 2010 até 2023, comparou o retorno histórico do dólar acrescido de uma taxa de 5% ao ano com o retorno de outros índices de referência para os investidores locais. A simulação mostrou que o retorno acumulado da variação cambial + 5% foi de 464,7% (13,3% ao ano), superando os principais benchmarks, como o IMA-B (372,8%), CDI (244,7%), IPCA (123,5%) e IBOV (81,2%).

Equipe de Gestão

Atualmente, a Kinea é gestora de dois FIAGRO, o KNCA11, com patrimônio líquido de R$ 2,2 bilhões, buscando investir em CRAs com nível de risco moderado, e o KOPA11, com patrimônio de R$ 358 milhões, buscando investir em CRAs com maior nível de risco e retorno.

A equipe de gestão é composta por dez profissionais, incluindo a participação de Alexandre Marco e Victor Graça, ex-Rabobank, e Felipe Greco, ex-AMERRA Capital, e é liderada pelo sócio Flávio Cagno.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado