Soja do Brasil: China lidera 75% das exportações em janeiro

Soja
Imagem: Pixabay

As exportações brasileiras de soja alcançaram 2,3 milhões de toneladas em janeiro, de acordo com a Associação Nacional dos Exportadores (Anec). A divulgação ocorreu na última quarta-feira (7). A China foi responsável por 75% desse total em exportações, adquirindo 1,7 milhão de toneladas.

Previsões indicam que as exportações de soja e milho devem diminuir em fevereiro, em comparação com o mesmo período do ano anterior. Os embarques de soja devem chegar a 7,3 milhões de toneladas, abaixo das 7,5 milhões do ano anterior. Já os envios de milho devem cair para 773,9 mil toneladas, e os de trigo para 497,9 mil toneladas.

Fevereiro

Apenas o farelo de soja deve ter crescimento nas exportações em fevereiro, com projeção de 1,7 milhão de toneladas, superando as 1,2 milhão vendidas no mesmo mês de 2023.

A associação atribui a tendência de queda nas exportações à desaceleração nas compras da China, observada há algum tempo. A Anec ressalta que perceberemos as diferenças no volume adquirido pelo país asiático nos próximos meses.

Além disso, a entidade informou que as exportações de farelo de soja aumentaram 22,7% em janeiro em comparação com o mesmo período do ano anterior, atingindo 1,75 milhão de toneladas. Enquanto isso, os embarques de milho retrocederam 29,4%, com o envio de 3,43 milhões de toneladas, e as exportações de trigo cresceram 5,2%, alcançando 685,10 mil toneladas.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado