Pesquisar
Close this search box.

Ministro anuncia proteção cambial no G20

Medidas anunciadas por Haddad buscam atrair investimentos verdes. (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
Medidas anunciadas por Haddad buscam atrair investimentos verdes. (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

Na próxima semana, São Paulo será palco de um evento crucial para as finanças globais: a reunião de ministros das Finanças e presidentes de Bancos Centrais do G20. Nesse cenário, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, desempenhará um papel central, apresentando uma série de iniciativas e medidas de proteção cambial.

Agenda do ministro no G20

O destaque da agenda do ministro é a apresentação de uma medida estratégica na segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024, às 11h, focada na proteção de investimentos internacionais contra a volatilidade cambial. Esse anúncio, denominado Programa de Proteção Cambial para Investimentos Verdes Sustentáveis, visa a reduzir o impacto das oscilações do dólar frente ao real, atraindo assim investidores estrangeiros com uma perspectiva de longo prazo.

Detalhes do programa de proteção cambial

O programa incluirá a criação de um mecanismo de oferta de até 2 bilhões de dólares em derivativos cambiais e permitirá que o Banco Central amplie sua carteira de swaps. Haddad enfatizou a importância de oferecer um “hedge cambial” sem recorrer a mecanismos artificiais que impeçam a flutuação natural da moeda.

Encontros bilaterais e discussões globais

Além da importante iniciativa cambial, Haddad terá uma agenda cheia de reuniões bilaterais com ministros de países-chave como Rússia, Estados Unidos, Noruega, França, Portugal e Arábia Saudita, além de encontros com líderes do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do banco dos Brics. Essas reuniões sublinham o papel do Brasil na busca por soluções conjuntas para desafios financeiros globais.

Contribuições em fóruns internacionais

O ministro também participará de eventos organizados por instituições de renome, como o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a Câmara Americana de Comércio para o Brasil, e contribuirá para um fórum sobre mudanças climáticas. Essas participações destacam o compromisso do Brasil com temas de relevância global.

Temáticas do G20

No âmbito do G20, estão programadas quatro sessões de discussão que cobrirão temas vitais como desigualdade, crescimento, estabilidade financeira, tributação internacional e dívidas dos países. Essas sessões representam uma oportunidade para os líderes financeiros globais traçarem caminhos para enfrentar os desafios econômicos atuais e futuros.

O anúncio de Haddad de um programa de proteção cambial para investimentos verdes sustentáveis no G20 marca um momento significativo para o Brasil no cenário econômico global, reforçando seu compromisso com a sustentabilidade e a estabilidade financeira internacional.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado