Pesquisar
Close this search box.

Banco alemão paga US$ 15 mi a funcionário, bem mais que CEO

Deutsche Bank CEO
(Foto: Divulgação/Deutsche Bank).

O Deutsche Bank AG compensou um de seus funcionários com mais de 14 milhões de euros (US$ 15,2 milhões) em 2023, estabelecendo o recorde de pagamento mais alto a um empregado da instituição alemã em mais de uma década. A identidade do receptor desta remuneração não foi divulgada. Comparativamente, o CEO do Deutsche Bank, Christian Sewing, ocupando a segunda posição na lista de maiores salários do banco recebeu menos de 10 milhões de euros (US$ 10,89 milhões). Christian Sewing ganhou 8,7 milhões de euros (US$ 9,47 milhões) no período correspondente.

Esta revelação ocorreu simultaneamente ao anúncio do banco sobre a redução dos bônus globais, refletindo o desempenho abaixo do esperado de sua divisão de banco de investimento. Este valor para o empregado mais bem pago desde 2014, ano em que o banco começou a divulgar estas cifras de acordo com novas regulamentações de transparência.

A remuneração atual, embora impressionante, ainda não alcança os níveis de gastos do banco com seus funcionários mais destacados no passado, quando o Deutsche Bank era considerado o principal operador no mercado de dívidas. Durante esse período, um exemplo notável foi o trader Christian Bittar, que em 2008 recebeu um bônus de quase 90 milhões de libras.

O pagamento recorde no Deutsche Bank demonstra não apenas a valorização de talentos específicos dentro da instituição, mas também reflete as mudanças nas estratégias de compensação ao longo dos anos. Este evento ocorre em um contexto onde o banco busca recuperar sua posição de liderança no mercado, após enfrentar problemas decorrentes de escândalos financeiros que impactaram sua reputação e desempenho econômico. A estrutura de remuneração do Deutsche Bank, especialmente em comparação com seu passado de altos pagamentos, indica uma abordagem mais medida e possivelmente mais sustentável à gestão de talentos e compensações.

Receba as últimas notícias do Economic News Brasil no seu WhatsApp e esteja sempre atualizado! Basta acessar o nosso canal: CLIQUE AQUI!

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado