Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Taylor Swift: saiba como a cantora construiu sua fortuna

Taylor Swifft
(Foto: @taylorswift/Instagram)

Taylor Swift, a voz por trás do hit “Cruel Summer“, eternizou-se não só na música mas agora também na elite financeira mundial. Em 2024, ela marca sua entrada na lista de bilionários da Forbes, ocupando a 2.545ª posição. O que diferencia a Taylor Swift bilionária de outros ícones da riqueza é a origem de sua fortuna: puramente de suas composições musicais e performances em shows.

Com uma riqueza avaliada em US$ 1,1 bilhão, Swift se destaca em um panorama onde a fortuna coletiva dos bilionários atingiu os US$ 14,2 trilhões. Esta conquista não veio acompanhada de empreendimentos paralelos ou marcas pessoais, mas sim da paixão e dedicação ao seu ofício musical.

A força de The Eras Tour

Sua jornada rumo ao bilionarismo foi impulsionada pela turnê The Eras Tour, um espetáculo que trouxe não só aclamação crítica mas também ganhos substanciais. Com mais de US$ 500 milhões vindos de direitos autorais e turnês, incluindo cerca de US$ 190 milhões da primeira etapa da Eras Tour e US$ 35 milhões do filme da turnê, Taylor Swift redefiniu os padrões de sucesso no mercado fonográfico.

conteúdo patrocinado

Desafios e vitórias

A controvérsia envolvendo a venda de seus primeiros seis álbuns por Scooter Braun, e sua subsequente transição para a Republic Records, destacou sua busca por controle sobre seu trabalho. Essa mudança não só preservou sua integridade artística como ampliou seus ganhos, provando ser um movimento estratégico na consolidação da fortuna musical de Taylor Swift.

Inovação e propriedade

Desde então, a cantora não apenas lançou novos álbuns aclamados como também regravou antigos clássicos, garantindo total propriedade sobre sua música. Estes albúns regravados com o título “Taylor’s Versions” representam não apenas uma recuperação de controle mas também um reforço em sua já impressionante receita.

Um legado além da música

À medida que Taylor Swift se prepara para lançar “The Tortured Poets Department“, seu 11º álbum de estúdio, sua influência ultrapassa o mundo da música. Sua contribuição para o valor da marca da NFL, gerando US$ 331,5 milhões em valor de marca para o time de futebol americano Chiefs e a liga, exemplifica seu impacto.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado