Pesquisar
Close this search box.
conteúdo patrocinado

Por que presidente do Conselho de Administração da CVC renunciou?

Renúncia dos membros da CVC. (Imagem: Divulgação/CVC)
Renúncia dos membros da CVC. (Imagem: Divulgação/CVC)

A operadora de turismo CVC anunciou, na noite da última quarta-feira (15), a renúncia de quatro membros do Conselho de Administração (CA). Entre os que renunciaram está o presidente do colegiado, Valdecyr Maciel Gomes. A partir disso, fontes acreditam que a saída de Gomes se devam ao resultado do 1T24 da CVC, que, embora positivo, apresentou um prejuízo de R$ 34,4 milhões no trimestre.

Renúncias anunciadas

Além de Gomes, Leonardo Guimarães Pinto, coordenador do Comitê Estatutário de Auditoria, Riscos e Finanças, também pediu desligamento. Analogamente, outros dois membros, Eduardo de Britto Pereira Azevedo e Rodrigo Silva Marvão, seguiram o mesmo caminho.

Assim, Valdecyr Gomes permanecerá no cargo até a eleição de um substituto. A assembleia-geral para essa eleição ainda não foi convocada.

conteúdo patrocinado

Renúncia de membros e nomeações interinas

O conselho aprovou o nome de Tiago Ring como membro independente interino. Consequentemente, Guilherme Marques Bononi foi eleito para coordenar o Comitê Estatutário de Auditoria, Riscos e Finanças. Ambos ocuparão os cargos até a próxima assembleia-geral.

Leia também:

CVC reduz prejuízo em 73% e registra crescimento na receita

Agradecimentos e reconhecimento

Em comunicado ao mercado, a CVC expressou agradecimentos aos renunciantes pela dedicação e contribuição durante suas jornadas na companhia. A empresa publicou o comunicado em seu site de Relações com Investidores. O documento detalha as renúncias dos membros e os agradecimentos a eles.

Substituições no conselho

Tiago Ring, agora membro independente do Conselho de Administração, terá mandato até a primeira Assembleia Geral da CVC Corp. Guilherme Marques Bononi, coordenador do Comitê Estatutário de Auditoria, Riscos e Finanças, também exercerá suas funções até a primeira reunião do CA após a Assembleia Geral Ordinária.

As renúncias e novas nomeações visam manter a estabilidade e continuidade das operações da CVC. A empresa continua focada em suas atividades principais enquanto gerencia essa transição.

Planejamento futuro

A CVC planeja convocar a assembleia-geral para eleger o novo presidente do Conselho de Administração. A expectativa é que o processo ocorra de forma eficiente, garantindo a governança e o fortalecimento da companhia.

Queda das ações da CVC

Nesta quinta-feira (16), às 14h23, a ação ordinária da CVC (CVCB3) sofreu uma queda de 7,91%, sendo cotada a R$ 1,98. Todavia, apesar do avanço de 0,16% do Ibovespa, que alcançou 128.227,34 pontos, a CVC liderou as perdas.

Análise do mercado

Hugo Queiroz, sócio-diretor da L4 Capital, comentou que a renúncia de membros não deveria ter um impacto tão forte nas ações. No entanto, o mercado continua precificando as dificuldades da companhia em melhorar seus balanços. Essa reação, por fim, segue a frustração com os resultados do primeiro trimestre de 2024, divulgados na quinta-feira passada (9).

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado