Pesquisar
Close this search box.
Publicidade
Publicidade
X
Publicidade
X

Por que as maiores IPOs nos EUA não são americanas?

Descubra as líderes de IPOs nos EUA

Maiores IPOs nos EUA. (Foto: Reprodução/Wikimedia Commons)
Maiores IPOs nos EUA. (Foto: Reprodução/Wikimedia Commons)

Em 2024, as maiores ofertas públicas iniciais (IPOs) nas bolsas dos Estados Unidos não são de empresas americanas. As companhias Viking, das Bermudas, Amer Sports, da Finlândia, e Kaspi, do Cazaquistão, lideram a captação de recursos. Segundo dados da Bloomberg, emissores estrangeiros foram responsáveis por 39% dos US$ 17,2 bilhões arrecadados em IPOs nos EUA, a maior parcela em mais de dez anos.

Viking Holdings

Nesse contexto, a Viking Holdings Ltd (NYSE: VIK) recebeu uma classificação consensual de “Compra Moderada” entre as empresas de classificação que acompanham a companhia. A Viking foi fundada no final da década de 1800, quando Emil Tyden, um imigrante sueco, criou um selo para vagões de trem. Em 2002, a Viking Group, Inc. lançou a Viking Fabrication Services, oferecendo serviços completos de fabricação de tubos de aço para sistemas de sprinklers.

O rápido crescimento do mercado de sprinklers contra incêndio em meados da década de 1970 fez com que a Viking estabelecesse uma rede de afiliadas que pudessem atender adequadamente ao mercado com produtos Viking e outros componentes necessários para instalações de sprinklers. Em meados da década de 1980, a Viking se desfez de todos os interesses de contratação e projeto e se concentrou no desenvolvimento, fabricação e distribuição de sprinklers contra incêndio, válvulas e dispositivos.

Publicidade

Um dos maiores IPOs nos EUA: Amer Sports

Além disso, a Amer Sports (NYSE: AS) possui um portfólio diversificado de marcas esportivas como Arc’teryx e Salomon. A empresa gera 40% de suas receitas nas Américas, 33% na região EMEA e 19% na China. Embora tenha apresentado crescimento nas receitas e no EBITDA, há preocupações sobre despesas com juros afetando o fluxo de caixa. A empresa vende 64% de seus produtos via atacado.

A Amer Sports possui uma ampla gama de marcas de esportes e atividades ao ar livre, incluindo Arc’teryx, Salomon, Wilson, Atomic, Peak Performance, Armada e EvoShield, vendidas em todo o mundo. A empresa gera cerca de 40% das receitas nas Américas, 33% na região EMEA, 19% na China e 8% na região Ásia-Pacífico. A Amer Sports também diversifica seus canais de venda, com 64% das vendas no atacado, 19% no varejo e 16% no comércio eletrônico.

Leia também:

Por que isso acontece?

Nesse contexto, empresas escolhem os EUA para listar suas ações em busca de preços mais altos. De tal modo, as ações nos EUA têm as maiores avaliações do mundo, com uma média de 20,6 vezes a relação entre preço e lucro futuro, segundo o economista-chefe da Nasdaq, Phil Mackintosh.

Próximos IPOs internacionais

Além disso, empresas internacionais, como a aérea mexicana Grupo Aeromexico e a produtora de alumínio Novelis, da Índia, planejam listar-se nos EUA. Agora, a fintech sueca Klarna também está se preparando para um IPO em Nova York, com avaliação de até US$ 20 bilhões.

Motivos para listagem nos EUA

Por fim, especialistas afirmam que investidores nos EUA tendem a ser mais especializados em determinados setores, o que pode resultar em múltiplos mais elevados. Nesse sentido, segundo Karen Snow, chefe global de listagens da Nasdaq, investidores europeus são mais restritos nos tipos de negócios em que investem. Procurando por uma tendência, Snow acredita, portanto, que a maioria dos emissores internacionais continuará vindo da Europa e da Ásia.

conteúdo patrocinado

MAIS LIDAS

conteúdo patrocinado
conteúdo patrocinado